Promova Seu Site \ 15 de abril de 2013

A Era do Vídeo na Web

Cada vez mais, vêm crescendo os dados que mostram que estamos vivendo uma era em que os vídeos são parte importantíssima do tráfego na internet, do comportamento de seus usuários e da estratégia de divulgação de empresas. Tanto que 76% dos profissionais de marketing planejaram investir em vídeo como sua principal estratégia em 2012 – e a tendência para 2013 é que esse índice seja ainda maior.

Um vídeo criado para o canal YouTube por James Wedmore – considerado uma “autoridade” quando o assunto é negócios online com o uso de vídeos – revela uma série de dados impressionantes sobre o assunto, com números que possivelmente já cresceram ainda mais (o vídeo é de agosto de 2012). Entre eles, afirma que o YouTube é o terceiro site mais visitado no mundo e o segundo maior canal de buscas na internet (atrás apenas do Google). O canal recebe, em seus vídeos, mais de 4 bilhões de visitas diariamente, sendo que o total do ano de 2011 foi na ordem de trilhões. Em apenas um minuto, o YouTube tem quase 3 milhões de vídeos assistidos, enquanto o Facebook, por exemplo tem “apenas” 277 mil logins. Sem falar no crescimento do uso do canal em aparelhos portáteis (celulares e tablets). Veja o vídeo completo:

Clique aqui para ver o vídeo.

Desde sua criação, em 2005, o YouTube foi impelido a mudar seu próprio conceito de “um recurso de armazenagem pessoal de conteúdos em vídeo para uma plataforma destinada à expressão pessoal”, como colocam Jean Burgess e Joshua Green em seu livro “YOUTUBE e a revolução digital“, de 2009, distribuído no Brasil pela Editora Aleph. Essa mudança de comportamentos dos usuários em relação aos vídeos e à própria web influenciou o posicionamento da empresa como plataforma de agregação e compartilhamento de conteúdo, como um “fórum para as pessoas se conectarem, informarem e inspirarem outras ao redor do mundo”, pelas palavras do próprio YouTube.

Os dados recentes anunciados no vídeo de Wedmore só comprovam que a criação, o compartilhamento e o consumo de vídeos na web devem ser realmente considerados na hora das empresas e profissionais pensarem suas estratégias de negócios e de divulgação. Esse tipo de linguagem também tem a vantagem de permitir diversas abordagens de comunicação, desde as mais tradicionais até as mais criativas e divertidas. Pode alcançar mais gente com menos custos se comparada a campanhas na televisão. Sem falar nas diversas possibilidades de interação com os usuários e no grande poder de compartilhamento que um vídeo na internet pode ter. Os vídeos produzidos podem ser incorporados a um canal como o YouTube e compartilhados rapidamente, ainda, em redes sociais, blogs e outros websites.

Se o seu negócio ainda não investe em vídeos para sua divulgação e comunicação, pode ser interessante reavaliar a ideia. Uma boa dica é observar como empresas de sucesso (não necessariamente do seu ramo) têm usado esse recurso, o que está dando certo, o que está gerando buzz na rede, o que está sendo compartilhado pelas pessoas em redes sociais… Com um pouco de pesquisa e criatividade – e, se for o caso, também com a ajuda de um bom profissional de comunicação – você pode desenvolver estratégias criativas de uso dessa linguagem que, ao que parece, será a forma de produção de conteúdo dominante nos próximos anos na internet.