• 535k
  • 98
Promova Seu Site \ 23 de outubro de 2017

Os 7 Pecados Capitais de SEO que Prejudicam seu Site

“De boas intenções o inferno está cheio” é a frase que geralmente retrata o que acontece com um iniciante do SEO. Neste momento, você já deve ter noção de que o SEO (otimização para motores de busca) é um aspecto crucial, uma vez que direciona mais tráfego para seu site e, por consequência, mais clientes para o seu negócio. Sendo você esse incrível e dedicado dono de empresa, provavelmente já tomou uma série de ações para melhorar a forma como os motores de busca entendem e classificam seu site. Apesar de sabermos que você só tem boas intenções, por vezes pode cometer alguns pecados sem se dar conta. Por exemplo, é muito provável que você saiba que as palavras-chave destinam-se a abrir as portas sagradas do paraíso, também conhecido como página 1 do Google. Mas você sabia que incluir muitas palavras-chave pode na realidade prejudicar seu SEO?

Certamente você não quer que os motores de busca pensem que você é um pecador! Nós estamos aqui para te mostrar a luz que vai te guiar pelo caminho da sabedoria e da redenção em relação ao SEO. É fato: o Wix tem o melhor SEO e seu site deve aproveitar isso ao máximo. Por isso venha com a gente, vamos mostrar exatamente o que fazer para agradar aos deuses dos motores de busca. Amén!

01. Gula de palavras-chave

Você até pode se sentir plenamente realizado quando enfia o pé na jaca e se entope de pizza no sábado à noite, mas provavelmente vai se arrepender dessa decisão muito em breve. Como muitas coisas na vida, o equilíbrio é a chave de tudo! O mesmo critério funciona para o uso de palavras-chave em uma boa estratégia de SEO. Palavras-chave são frases com duas a cinco palavras que você vai cuidadosamente introduzir no conteúdo do seu site para que os motores de busca possam compreender do que se trata. Onde devem ser colocadas? No seu texto, nos metadados (veja o próximo pecado da lista!), nas suas URLs se possível, nas descrições de suas imagens e em qualquer outro local onde você possa incluí-las de forma bem natural.

Muitos proprietários de site estão cientes, às vezes até um pouco demais, da importância das palavras-chave e aí as colocam literalmente em todo o lugar. Por exemplo, você pode encontrar algo do tipo: “Você adora os melhores brigadeiros do Rio de Janeiro. Nós sabemos que você adora os melhores brigadeiros do Rio de Janeiro. Você sabe que nós sabemos que você adora os melhores brigadeiros do Rio de Janeiro. E sua mãe também adora os melhores brigadeiros do Rio de Janeiro”. Nunca pensei que fosse dizer isso, mas tem um momento que muitos brigadeiros passa a ser prejudicial! Seu conteúdo não pode parecer artificial para seus leitores, acredite ou não os algoritmos do motor de busca são “treinados” para ler exatamente como um ser humano. Se os motores de busca perceberem que você está usando um excesso de palavras-chave – conhecido como “keyword stuffing” na linguagem do SEO – vão te mandar para “um lugar nada bom” ou como os especialistas gostam de chamá-lo: a página 10 do Google.

02. Preguiça de metadados

Não se deixe enganar pela imagem peluda e fofinha das preguiças do filme A Era do Gelo. Preguiça é uma característica que os deuses do Google não valorizam. Tudo em relação ao SEO requer investimento de tempo e de empenho. Se pensar no seu site como um livro, você não deixaria de nomear a página de um capítulo por pura preguiça, certo? O mesmo pode ser dito para os metadados do seu site, que são os títulos (a linha azul nos resultados do Google) e descrições (o texto em preto imediatamente abaixo). Uma vez que são a primeira coisa que as pessoas encontram nos resultados dos motores de busca, os metadados têm o poder de persuadir os internautas a clicar em seu site e não no concorrente.

É por este motivo que você deve preencher os metadados não apenas para a sua homepage, mas para cada uma das suas páginas – sim, isto também inclui cada um dos posts do blog! Não se preocupe, não é tão difícil quanto parece, desde que você conheça o procedimento correto. Para o título você deve ter no máximo 60 caracteres, de preferência um pouco menos e não deixe de incluir o nome da sua empresa. Voltando aos brigadeiros, o título da homepage deve ser algo como: Brigadeiros Maravilhosos | Caseiros | Rio de Janeiro. As descrições devem ser de mais ou menos 160 caracteres e precisam resumir o conteúdo de sua página de uma forma atraente. Lembre-se: estas curtas linhas de texto são seu “discurso de elevador” para o Google – por isso dedique um tempo precioso para isso e não seja preguiçoso. Clique aqui para saber exatamente como preencher suas meta tags no Wix.

03. Ira de mecanismos de busca

Na religião do SEO, um dos primeiros mandamentos é “não bloquearás os motores de busca”. Se seu objetivo é ser encontrado online, você está correndo um sério risco de desencadear a ira dos robôs do Google se não os deixar chegar em seu site. Mas o que é que isso significa exatamente? Para que seu site apareça nos resultados ele precisa ser rastreado (analisado) e indexado (salvo) pelos robôs dos motores de busca. Por isso, quando alguém procura alguma coisa no Google, o motor de busca pode facilmente recuperar uma lista de páginas de uma vasta biblioteca de sites relevantes salvos.

O processo de indexação pode levar algum tempo especialmente se seu site é novo. Mas não fique aborrecido, há diversas formas que você pode usar para que o Google indexe seu site rapidamente como, verificando seu site com o Google Search Console e depois enviando seu sitemap diretamente para o Google. Felizmente, se você é um usuário Wix com seu próprio domínio, nós temos tudo resolvido já que o Wix SEO Wiz permite que seu site seja indexado e analisado pelo Google simplesmente clicando em um botão!

Importante: Indexar é apenas o primeiro passo para a otimização. O fato de seu site ter sido identificado e “salvo” pelo Google não significa que de repente vai constar nos primeiros resultados. SEO demora, leva um tempo e, com certeza, não acontece da noite para o dia. Pode estar certo, se você trabalhar constantemente para melhorar seu site e publicar regularmente, com toda a certeza vai devagarzinho subindo os degraus dos resultados do motor de busca. É o perfeito exemplo de trabalho de formiguinhas!

04. Vaidade de URLs

Nunca é muito bom se exibir como um pavão, mas é importante que sua URL seja o mais identificável possível. Você precisa atrair a atenção para seu site, mas evite quaisquer caracteres mais estranhos (#?*&%) uma vez que estes podem ser prejudiciais. Pense o seguinte: você nunca iria para uma reunião usando tênis rosa choque (a não ser que você seja um web designer!). O mesmo acontece com sua URL. Precisa ser tão arrumada, profissional e apresentável como você é. Por quê? Ter uma URL visualmente pouco atraente na página dos resultados de busca pode desencorajar os internautas a entrar em seu site, e assim assinalar para os motores de busca que esse resultado não é relevante (e você é um pecador!). Lembre-se: sua vaidade pode ser seu prejuízo no Google.

O Wix automaticamente te dá uma URL clara e com aparência profissional. A única coisa que falta fazer é escolher o melhor nome de domínio possível para seu site. Se você encara seu negócio e seu SEO com seriedade, nós recomendamos que você arranje um domínio personalizado (nomedeseusite.com) – caso você ainda não tenha um. Antes de você mergulhar fundo nos nomes de domínio, pense com todo o cuidado sobre como você quer ser chamado online. Uma dica que podemos te dar é tentar adicionar uma palavra-chave ou alguma indicação do que você faz como profissional e mais seu nome comercial, por exemplo: brigadeiroscaseiros.com.br. Escolher o nome de domínio certo é um passo importante que você precisa dar para alavancar seu SEO diretamente para o céu do Google, por isso certifique-se de fazer tudo certinho!

05. Inveja mobile

De fato o monstro dos olhos verdes vai arregalar seus olhos horrorosos para os pecadores do SEO que não têm uma versão do seu site otimizada para dispositivos móveis, como smartphones e tablets. Imagine o desânimo dos usuários que visitam seu site e aí descobrem que precisam fazer zoom para ver uma imagem ou que nem conseguem clicar num link. Pode ter certeza de que vão sair da sua página no primeiro momento, o que é terrível para seu SEO.

As buscas a partir de dispositivos mobile são mais de 50% do total de buscas no Google. Certamente você não vai querer que a cada duas pessoas uma tenha uma péssima experiência em seu site. Isso porque nem mencionamos que já há algum tempo os motores de busca como o Google começaram a priorizar sites que têm uma versão amigável a mobile e a premiá-los com uma melhoria em seu ranking para smartphones e tablets. Sabemos como é importante ter um site otimizado para mobile, por isso nossa plataforma permite que você adapte facilmente seu site para que tenha uma aparência incrível em qualquer dispositivo. Otimize seu site para que seja amigável a mobile e você vai testemunhar uma intervenção divina alavancando o ranking do seu site.

06. Avareza de imagens

“Em tempos estava perdido mas agora me encontrei, estava cego mas agora enxergo”. Imagens são uma forma excelente de proporcionar um deleite aos olhos dos visitantes enquanto estes rolam através do seu site. No entanto, temos um pequeno problema: os motores de busca não conseguem ”ver” suas imagens. Dessa forma, você precisa ser generoso nas descrições das suas imagens e se certificar de adicionar “alt text” a cada uma de suas fotos.

Alt text – ou texto alternativo – é a descrição textual que você escreve para as suas imagens. Foi criado originalmente para ajudar aquelas pessoas com algum tipo de deficiência visual a compreender as fotos que encontram nos sites. Acontece que isto também permite que os robôs do Google compreendam o que está sendo mostrado na sua tela. Como um gesto de agradecimento, você vai ser recompensado com um melhor SEO tanto para seu site nos resultados gerais da busca como para cada uma de suas imagens no Google Imagens. Por isso não seja avarento nas suas informações, capriche nas suas descrições! Antes de atropelar as coisas, saiba como adicionar alt text em seu site.

07. Luxúria de conteúdo

Em algum ponto das nossas vidas, todos somos culpados de ter desejado o conteúdo dos outros, quer seja para um projeto na escola ou um template de CV. Quando se trata do seu site, desejar e copiar o conteúdo de outra pessoa definitivamente não é o caminho a seguir. Pode até ser difícil de resistir, mas você precisa absolutamente criar seu próprio texto original porque conteúdo duplicado vai te trazer problemas sérios com o Google. Por que isso é um pecado tão grande? Se os motores de busca encontram conteúdo duplicado não vão saber qual versão indexar em sua base de dados ou qual deverá constar nos resultados. Isto pode causar uma imensa confusão e sua chance de ter um bom ranking vai diminuindo cada vez mais.

O melhor caminho a tomar é criar um conteúdo natural, novo e convincente que vai deixar felizes não só os visitantes do seu site, mas os motores de busca também. Vamos analisá-los um a um:

  1. Natural – conteúdo que é pertinente ao tema do seu site e que se conecta naturalmente com o restante do site. Por exemplo, o cardápio de sobremesas do restaurante cheio de deliciosos brigadeiros.
  2. Novo – conteúdo que é atualizado constantemente em sintonia com o tema do seu site. Por exemplo, uma receita deliciosa de um novo brigadeiro.
  3. Convincente – conteúdo que vai trazer para o leitor informações relevantes e exclusivas. Por exemplo, o endereço e horário de funcionamento do restaurante.

Utilize esses três ingredientes e, com certeza, você vai criar um conteúdo que vai deixar o Google e seus clientes querendo mais.

Dica dos profissionais: Tem um conteúdo mais antigo que precisa ser atualizado? Para evitar ter conteúdo duplicado, certifique-se de adicionar um redirecionamento 301 de seu post antigo para o novo!

Bônus: A redenção vem em um clique

A teoria é ótima, mas e na prática? Não se preocupe, o Wix SEO Wiz é o seu melhor amigo quando se trata de otimizar seu site para os motores de busca. Esta ferramenta intuitiva e abrangente desenvolvida pelo Wix vai criar um checklist de SEO personalizado que inclui todos os passos necessários para configurar seu SEO. Pense desta forma: o Wix SEO WIz é o anjo bom que está sempre ao seu lado para garantir que você não vai pecar nunca mais.

Pronto para aparecer no Google? Crie um site incrível com Wix.