• 285k
  • 34
Pequenos Negócios \ 20 de junho de 2018

A Era do Influencer: O Que É e Como Se Tornar Um Influenciador Digital

Um influenciador é um usuário das redes sociais que sedimentou sua credibilidade em uma indústria específica. Influenciadores digitais têm acesso a um grande público e podem persuadi-lo através de sua autenticidade e seu alcance. Desde a ascensão das redes sociais, os influencers se tornaram uma grande tendência. Mais e mais empresas estão usando estas pessoas para chamar a atenção dos millennials, que são menos receptivos ao marketing tradicional. A parceria entre a marca e o influencer é benéfica para ambas as partes: a empresa alcança seu público-alvo e o influenciador é pago e pode conquistar novos seguidores.

Sejamos sinceros, tornar-se um influenciador digital não é tarefa simples. É preciso se esforçar bastante para chegar aos milhões de seguidores. O caminho a ser percorrido é longo, mas não é impossível alcançar o objetivo com a abordagem certa.

Seguindo os passos abaixo, você estará bem direcionado para expandir seu público, atrair a atenção das marcas e tornar-se um influencer da era digital.

01. Encontre seu nicho (e sua obsessão)

Primeiramente, você precisa encontrar o assunto que cobrirá em seus perfis nas diferentes redes sociais. Quanto mais específico, melhor, pois haverá menos concorrência. No entanto, evite escolher um tema muito de nicho, para não ficar tuitando sozinho. Encontre algo pelo qual possui um sincero interesse, mas que tenha um público, e mergulhe de cabeça. Pode ser algo que você adorava quando era criança, um hobby no qual você é muito bom, ou sua especialização profissional: o mais importante é ter paixão pelo assunto sobre o qual está falando. Trabalhar com sua paixão possui duas grandes vantagens: acima de tudo, você jamais ficará entediado, e isso será refletido em seus vídeos, tuítes e demais formas de conteúdo. Além disso, a paixão é a propulsão da qualidade: quanto mais dedicado você for ao seu tópico, mais convincente será.

Quando já souber o que deseja cobrir, devore tudo que existe sobre assunto. Domine seu assunto lendo as notícias, os blogs e tudo o mais que conseguir. Se há algo de novo nessa indústria, você precisa estar por dentro e opinar em suas redes sociais. Para testar sua perspectiva, consulte o que as diferentes fontes dizem sobre o mesmo assunto, e analise a diferença entre as respectivas abordagens e a sua própria opinião. É necessário enfatizar este diferencial para destacar-se e oferecer informação de qualidade ao seu público.

02. Trace um plano

Após escolher um tópico e dominar todos os seus aspectos, é hora de criar uma estratégia. Trace um plano com sua estratégia de conteúdo e responda algumas perguntas. Qual é a sua persona? Qual é a sua mensagem? Qual é o tom ideal para se comunicar com seu público? Agora também é a hora dar nomes aos bois e organizar seu processo de produção: como e quando você produzirá, editará e publicará seu conteúdo. Preparar um agenda com ao menos um mês de antecedência permitirá que você contorne com facilidade quaisquer empecilhos que surjam durantes os primeiros passos de sua jornada. Pesquise sobre a quantidade aceitável de publicações por dia em cada rede social – Facebook, Instagram, YouTube e Snapchat têm ritmos diferentes. Continua sua pesquisando verificando os dias e horários que são mais populares (para seu público especificamente) para publicar. Saber essas informações com antecedência também será útil quando estiver criando seu calendário de publicações.

03. Seja sociável

Se você vai com tudo rumo ao título de influenciador digital, precisará encontrar as plataformas que se adequam melhor à sua área de atuação e ao seu público-alvo. Talvez seja melhor escolher no máximo dois dos principais canais (YouTube e Instagram, por exemplo) para começar. É muito importante ser consistente, então comprometa-se apenas com o que tem certeza que conseguirá cumprir. Mesmo assim, recomendamos que você crie contas em todas as redes sociais, para garantir o login e o nome de usuário para o futuro. Em cada rede social, escreva uma boa biografia com os links para seu site e suas principais plataformas, de forma que seu público encontre seu conteúdo com facilidade. O objetivo aqui é que as pessoas sintam que você está em TODOS OS LUGARES. Use o mesmo tom e a mesma descrição em todas as plataformas. Além disso, sempre que se cadastrar em uma nova rede social, opte pela conta comercial ou “business” se houver essa possibilidade. Estas são as contas que oferecem as melhores estatísticas para acompanhar o desempenho de seus posts, e permitem criar campanhas e promoções pagas quando necessário.

A Era do Influencer: O Que É e Como Se Tornar Um Influenciador Digital

04. Lembre-se: o conteúdo é o rei

Espero que você goste de criar conteúdo, por que essa é a principal parte do trabalho do influencer, e vai ocupar 90% do seu tempo. Aqui estão alguns aspectos a serem considerados no planejamento do seu conteúdo:

Produzir de forma consistente: As redes sociais estão em constante mutação. Se você acha que pode ficar uma ou duas semanas sem publicar e ainda contar com os mesmos seguidores, precisa rever seus conceitos. O conteúdo também deve manter-se atualizado e relevante. Para isso, identifique tendências atuais nas redes sociais, principalmente em perfis relacionados à sua área de atuação, e responda com seu próprio conteúdo. Pode ser que demore um pouco, mas é preciso encontrar o equilíbrio entre conteúdo produzido para adequar-se às tendências e conteúdo exclusivo do seu canal. O mais desafio é identificar uma tendência antes que ela seja rotulada como “tendência”.

Atenção às hashtags: As hashtags (representadas pelo símbolo #) permitem que você alcance ainda mais pessoas, especialmente quem esteja seguindo aquela hashtag específica – são a língua universal que te permite aparecer onde não apareceria normalmente. Pesquisar as hashtags mais relevantes e as que estão surgindo no momento (trending) é importante, e será importante dar uma analisada nos posts que cobrem o seu tópico. As hashtags do Twitter e do Instagram valem cada segundo investido para entendê-las, mas não tem influência sobre seu sucesso no YouTube e no Facebook. A depender da rede social onde você está publicando, o número de hashtags também é importante. Curioso para aprender mais sobre esse símbolo mágico e todos os seus poderes? Leia nosso guia sobre o que são hashtags e como usá-las com sua marca.

Experimente todos os formatos: Estamos em 2018, e as redes sociais já evoluíram bastante, criando novas formas de publicar conteúdo.O Instagram não é mais só para fotos, oferecendo também as Stories – que são fotos e vídeos que desaparecem após 24 horas, mas conseguem bastante exposição neste curto período. Outro exemplo é que praticamente todas as plataformas agora possuem alguma opção de “Live”, que transmite o que você está fazendo ao vivo em tempo real (e você precisa começar a aproveitar essa possibilidade). Esse frenesi das lives não dá nenhum indicativo de que vai acabar tão cedo, é há uma razão para isso. Os influenciadores usam as transmissões ao vivo para mostrar um pouco dos bastidores e estabelecer um laço de maior confiança com seu público.

Mesmo que os vídeos ao vivo e as opções de publicação menos tradicionais não sejam muito o seu estilo, um influencer que se preze deve estar familiarizado com as ferramentas disponíveis. Ou seja: você deve ao menos saber do que cada uma é capaz, e como utilizá-las. O domínio sobre esses recursos é o que separa o influencer do usuário comum.

05. Construa sua comunidade

Uma parte importante do processo de construção de uma legião de seguidores é interagir com seu público, o famoso engagement. Há algumas formas de fazê-lo, por exemplo: responder todos os comentários recebidos em seus posts é algo simples que apresenta você como uma “pessoa comum”. Você também deve estimular o envolvimento do público, deixando claro que deseja ouvir sua opinião e suas dúvidas nos comentários.

De volta ao estilo “live”, trata-se da forma mais direta de interação com o público. Faça uma sessão de Perguntas & Respostas ou peça conselhos do público sobre algum assunto para que saibam que sua opinião é importante. Se você publica vídeos, termine sempre com uma pergunta e inicie o vídeo seguinte citando algumas das respostas recebidas. Sentir-se ouvido é o primeiro passo para sentir-se amado!

A Era do Influencer: O Que É e Como Se Tornar Um Influenciador Digital

06. Não compre seguidores

Sabe o que é uma péssima ideia? Comprar seguidores é uma péssima ideia! O caminho para qualquer tipo de sucesso que você almeje alcançar é longo, mas comprar seguidores para transmitir a ilusão de que há quem goste do seu conteúdo não apenas é uma receita de fracasso, mas também é bem sem graça. Não compre seguidores, você apenas se prejudicará no longo prazo. É importante ser honesto com seu público. Mesmo que você comece com um número bastante reduzido, é apenas uma questão de tempo até que a quantidade de seguidores cresça e sua comunidade floresça.

07. Faça contatos na vida real

Nos velhos tempos, havia esse costume antiquado segundo o qual as pessoas se encontravam em um mesmo lugar e conversavam cara-a-cara. De propósito! Na verdade, se você procurar, ainda encontrará essas reuniões analógicas. Comparecer a eventos de networking é uma ótima maneira de conhecer colegas de profissão e costurar futuras colaborações.

08. Alcance mais pessoas com um site incrível

Almejar ser um influencer nas redes sociais não significa que sua presença deve limitar-se a essas plataformas. Seu um site ou um blog (ou um site com um blog) significa outro lugar para as pessoas encontrarem você. Ter um blog dedicado ao que está acontecendo na sua área de atuação apenas sedimentará seu nome como um influenciador. Além disso, você pode compartilhar todos os artigos do seu blog nos seus perfis nas redes sociais.

Se você publica conteúdos exclusivos em cada rede social, seu site é o lugar perfeito para reunir tudo e criar um site nunca foi tão fácil, devido a todos os template pré-prontos disponíveis.

A Era do Influencer: O Que É e Como Se Tornar Um Influenciador Digital

09. Seja ativo nos fóruns

Se existe um fórum específico para seu ramo ou para o assunto que você cobre, você precisa estar presente por lá também. Não apenas você poderá compartilhar um pouco do seu conhecimento (e links para seus perfis), mas também acabará aprendendo um pouco dos demais especialistas. A participação nos principais fóruns é importante, mas você também pode criar seu próprio espaço com o Wix Forum e trazer a conversa para seu site.

10. Colabore com marcas e outros influencers

No início, seu principal foco deve ser a criação e a publicação de conteúdo de qualidade, para construir aos poucos sua comunidade. Mesmo assim, chegará o momento de colaborar. Você pode criar conteúdo junto com outro influenciador – do seu mesmo ramo, ou de áreas diferentes – ou com um negócio que esteja interessado em alcançar no perfil do seu público-alvo. Essas parcerias têm tudo para serem divertidas e benéficas para ambas as partes. Se você já sabe com quem gostaria de colaborar, certifique-se de que eles têm os mesmos valores que você e um público similar (você quer atingir o público deles, e vice-versa).

Antes de mergulhar, verifique a profundidade da água. Siga seus potenciais colaboradores e interaja com eles nas redes sociais. Seja delicado e mantenha o estilo, e evite ao máximo parecer carente. Você quer transmitir interesse e respeito, então controle a quantidade de comentários e emojis. Entre em contato por email ou inbox de forma direta, apresentando suas intenções e seu entusiasmo com a ideia, e seja você mesmo!

Pronto para influenciar sua comunidade? Crie um site incrível hoje mesmo!

Por Equipe Wix

Receba o Blog do Wix
no conforto da sua casa!

Assine o Wix Blog e não perca nenhuma novidade!

Opa, esse não é um email válido.

e-mail já existe

Opa, esse não é um email válido.

Aproveite! \ 

Receba em primeira mão dicas atualizadas sobre como
promover seu negócio, Web Design, SEO e o Wix!

Opa, esse não é um email válido.

e-mail já existe

Opa, esse não é um email válido.