2020, o Ano do eCommerce


Retrospectiva 2020: oano do eCommerce

Se 2020 nos ensinou alguma coisa, é usar máscara, lavar as mãos com frequência e, claro, que as compras online facilitam muito a vida do consumidor.

Como em tantos outros aspectos das nossas vidas, 2020 também causou uma mudança brusca na forma como as marcas e varejistas fazem negócios.


O impacto do COVID-19 no setor de varejo foi enorme, influenciando muito o comportamento de compra do consumidor. O resultado: um ano de crescimento incomparável nas vendas de eCommerce. A grande incerteza que a pandemia trouxe, e as recomendações de distanciamento social levaram a um grande aumento nas compras online, apresentando grandes desafios às empresas em todo o mundo.


Apesar do aumento na demanda de lojas virtuais e marketplaces em 2020, os comerciantes nem sempre se mostraram preparados para atender sua clientela em grande escala, já que muitos desses negócios nem mesmo estavam online, ou em uma plataforma de eCommerce profissional com soluções de atendimento implementadas.


Infelizmente, muitas empresas físicas foram forçadas a fechar suas portas permanentemente, enquanto outras tiveram que agir rapidamente, abrindo imediatamente lojas online pela primeira vez. Mesmo aqueles com lojas virtuais tiveram que fazer ajustes significativos para gerenciar os desafios em torno de estoque, logística, transporte e muito mais.


Aqui no Wix, ficamos maravilhados com a resiliência dos empreendedores donos de pequenas empresas, e orgulhosamente testemunhamos nossos usuários se reinventarem - e até mesmo prosperarem durante este tempo de imensos desafios e tantas dúvidas. Ao longo do ano, fomos inspirados por empresas que se adaptaram e tiveram sucesso apesar de incontáveis desafios.


Com a COVID-19, mais do que nunca, empresas passaram a se conectar à Internet em um esforço para resistir e se manter em funcionamento.


A rede de lojas online do Wix, que vende em todo o mundo, viu seus números crescerem de 400.000 para mais de 600.000 lojas ativas este ano.

Um exemplo de sucesso é a história da Kakau Lopes Cosméticos. Desde antes da pandemia do coronavírus, a marca de cosméticos já adotava uma inteligente estratégia de lançamento de novas coleções: mesmo possuindo uma loja conceito em Belo Horizonte, os lançamentos são feitos exclusivamente online, o que leva mais tráfego para o site da empresa e fortalece sua presença online a longo prazo. Em seu último lançamento em novembro, a Kakau Lopes Cosméticos teve um impressionante crescimento de 459% nas vendas em relação ao mês anterior. O que mostra que atrelada a uma boa e forte campanha nas redes sociais, o investimento em eventos online de lançamento pode alavancar as vendas e a popularidade do seu eCommerce.


Outra loja virtual que traçou uma trajetória de sucesso em 2020 foi a marca holandesa Pip Studio Brasil. Em um ano tão difícil, o estúdio de louças e porcelanas viu suas vendas crescerem 149% em relação ao ano anterior. Os produtos com proposta clássica do Pip Studio fazem parte da categoria "Antiguidades e Vintage", que cresceu bastante no Brasil, atingindo seu pico em Julho, onde foi possível ver um crescimento de 242% em relação ao período homólogo.


A categoria segue a lógica de crescimento de produtos de decoração de ambientes e eletrodomésticos em geral, que em setembro de 2020 cresceu 188% (YoY), o que mostra que mesmo com os altos e baixos das medidas sanitárias, os consumidores seguem investindo na melhoria de seus lares em tempos onde ficar em casa segue sendo a melhor medida de prevenção contra o vírus que pegou o mundo de surpresa.

Conforme nos aproximamos do final do que mais pareceu uma viagem de 365 dias em uma montanha-russa, elaboramos um relatório anual para compartilhar o crescimento extraordinário do eCommerce em 2020.


Alerta de spoiler as vendas online quebraram recordes em 2020!

Com o passar dos meses, vimos um crescimento significativo no consumo online em todo o mundo.


Segundo pesquisa realizada pelo Movimento Compre&Confie e pela ABComm, as vendas online cresceram 56,8% de janeiro a agosto deste ano, em relação ao mesmo período de 2019.

Conforme boa parte da população começou a ficar mais em casa, e com o auxílio emergencial segurando parte dos efeitos das taxas de desemprego, os varejistas de comércio eletrônico viram seus números subirem como nunca. Para exemplificar esse movimento em termos globais, aqui estão os dias com o maior crescimento nas transações de vendas por país:


  • França: 24 de abril de 2020, 343% A/A

  • Japão: 29 de abril de 2020, 1.707% A/A

  • EUA: 5 de maio de 2020, 295% A/A

  • Reino Unido: 15 de maio de 2020, 352% A A

  • Brasil: 9 de junho de 2020, 655% A/A

  • México: 30 de junho de 2020, 523% A/A


Mesmo com todas as dificuldades impostas pela pandemia em um país com as dimensões do Brasil, as vendas da Black Friday, de 19 a 27 de novembro, atingiram um aumento louvável de cerca de 30% em relação ao ano anterior, segundo dados da Ebit Nielsen.

Para uma análise completa e detalhada do aumento surpreendente das vendas online em 2020, leia o relatório completo de eCommerce de fim de ano.

Com os consumidores comprando online mais do que nunca e lojas virtuais atingindo números recordes, acreditamos que os avanços que a indústria tem visto nas compras online vieram para ficar. O que torna imprescindível para varejistas ter um sistema de comércio eletrônico confiável implementado, para que não percam receita e clientes devido a problemas técnicos ou uma interface pouco amigável.

O futuro está aqui - os consumidores esperam que as marcas os encontrem onde estão, fornecendo um valioso serviço ao cliente e uma ótima experiência de compra online e pessoalmente.


Quer aderir à tendência do eCommerce? Crie sua loja virtual e comece a vender hoje.



Por Equipe Wix




Comece a vender online hoje mesmo com o Wix

pt03.png