• 21k
  • 11
Web Design \ 11 de junho de 2018

Como Criar um Blog: O Guia Completo

F. Scott Fitzgerald uma vez escreveu que “você não escreve porque quer dizer alguma coisa, e sim porque tem algo a dizer”. Decidir criar um blog é mais ou menos por aí. Não significa que você precisa ser um dos maiores escritores de todos os tempos, como o Fitzgerald, nem mesmo um escritor profissional. Ao contrário, um blog é uma oportunidade para você, uma pessoa com alto conhecimento em um assunto em particular, expor todo seu pensamento em relação a esse assunto.

Em outras palavras, este é o local para você fazer sua paixão virar realidade – ser um influenciador no campo que você escolheu, inspirando, educando ou simplesmente entretendo seus leitores. Pode funcionar como um site ou como uma seção de um site. É isso mesmo, senhores empreendedores, esta também é uma excelente (e gratuita!) plataforma para promover seu negócio, seus produtos ou sua marca profissional. Mais ainda, escrever um blog tem a capacidade de aumentar significativamente o tráfego para seu site e, dessa forma, dar uma alavancada bem merecida no seu SEO.

Aceita encarar esse desafio, mas não sabe por onde começar? Não precisa se preocupar. Criamos um guia que engloba tudo o que você precisa para ir em frente. Desde escolher sua plataforma até criar um conteúdo arrasador e promover seus artigos, temos todas as técnicas certas para que você comece um blog que vai cativar seu público:

01. Determine qual é o seu foco

Quando se trata de assunto para blog, praticamente não há limites. Os tópicos podem variar de dicas de marketing ou tendências da moda até um guia aprofundado sobre a arte de fazer o croissant perfeito. Quando você escolher um assunto, vai ver que muito provavelmente a internet está lotada de blogs criando conteúdo sobre esse mesmo tópico. Sabendo que a concorrência é forte, é importante determinar seu foco perguntando-se desde o início: como posso me destacar?

Tenha em mente que quanto mais nichado é seu assunto, maiores as chances de você ser encontrado. Por exemplo, criar um blog de comida sobre todas as receitas que você inventou usando o abacate como seu principal ingrediente vai aumentar sua visibilidade quando alguém procurar por “receitas de abacate”. No entanto, se você está criando um blog para seu negócio já existente, nem sempre é possível encontrar um nicho. Neste caso, você deve focar em produzir conteúdo que seus concorrentes não tenham. Tenha sempre em mente a regra de ouro da redação para a internet. Conteúdo de qualidade, que agrade aos leitores e aos misteriosos robôs do Google, que deve atender a três critérios: ser valioso, exclusivo e atualizado.

02. Escolha um nome expressivo e adequado

Quando você escolhe um nome para seu blog, está iniciando a criação da sua marca. Isso significa que seja lá o que você decidir precisa incorporar a sua visão. Quer que seja divertido e criativo? Ou sério e direto? Pense bem como você quer se apresentar para o mundo online. Em qualquer caso, é sempre preferível que seu nome possa refletir de alguma forma no que você se especializa e sobre o que vai escrever. Por fim, prepare uma lista de três a cinco opções com as quais você trabalharia e peça uma opinião aos seus colegas e potenciais leitores para a decidir qual das finalistas será a escolhida.

Quando tiver um nome para seu blog absolutamente apropriado (Meu Incrível Blog), a melhor prática é escolher um nome de domínio que seja idêntico (www.meuincrivelblog.com), por uma questão de consistência e legitimidade. Se você já tem um site, inclua uma página para seu blog no seu domínio (www.meuincrivelsite.com/blog) e conecte um ao outro.

03. Selecione a plataforma do seu blog

Em seguida, você precisa decidir qual plataforma usar para seu blog. Há muitas opções, por isso você deve escolher aquela que seja adequada às suas necessidades em termos de operação e criatividade. Por exemplo, o Wix Blog pode ser facilmente configurado em questão de minutos. Tudo o que você precisa fazer é escolher uma entre tantas opções de lindos templates e facilmente adicionar seu conteúdo usando o recurso intuitivo de arrastar e soltar – ou escolher entre as centenas de imagens de qualidade e vídeos gratuitos que já estão disponíveis. Esta solução revolucionária não apenas possibilita criar um blog em tempo recorde, mas também fornece todas as ferramentas necessárias para você ter uma comunidade de seguidores em constante crescimento. Por exemplo, você pode interagir com eles através dos comentários do blog, dar-lhes a opção de se cadastrarem para receber sua newsletter ou compartilhar seus posts nas redes sociais. Quando seu blog estiver pronto, você poderá adicionar e editar conteúdo, além de incluir um bate-papo ao vivo com os leitores e muito mais, tudo através do Mobile App. Sabe o que é o melhor de tudo? Você pode conseguir tudo isso grátis e sem necessidade de uma única linha de programação.

04. Personalize todo o tema do seu design

Escolha um dos incríveis templates para blog gratuitos que retrate seu estilo e seus objetivos. Esta é a melhor maneira de começar, já que eles incorporam tudo o que um blogueiro do século XXI necessita para sobreviver no mundão da internet. Há templates disponíveis para qualquer modalidade: blogueiros de comida, fotógrafos, fashionistas, etc. e todos foram criados por nossa equipe de designers seguindo as mais recentes tendências do mercado. Uma vez que tomou a sua decisão, você pode personalizar todo o seu design de forma intuitiva, simplesmente arrastando e soltando o conteúdo com um clique no mouse.

Templates Wix para Blog

Quando se trata de personalizar seu design, há alguns fatores muito necessários que você deve ter em mente:

  • Fontes: Como as palavras são um aspecto vital de qualquer blog, é indispensável escolher as fontes mais adequadas ao design do seu site. O mais importante é serem legíveis e claras. Uma boa escolha é usar fontes sem serifa porque são mais fáceis de ler numa tela. A tipografia também pode ser usada como uma ferramenta para mostrar a hierarquia no design do seu blog, isto é, fontes específicas podem ser usadas para atrair a atenção para certas palavras ou links. Além disso, não use mais de três fontes para evitar uma estética pouco atrativa e complexa.
  • Cores: Selecione uma paleta de cores perfeita para todo o tema do seu blog (e possivelmente do seu site). É bom você saber que certas cores evocam emoções específicas, dessa forma tenha isso em mente quando fizer sua escolha. Por exemplo, azul representa confiabilidade enquanto vermelho pode trazer uma certa sensação de urgência. Apesar de ser empolgante imaginar campos coloridos como o arco-íris e unicórnios coloridos, a melhor prática entre as marcas profissionais é ficar com apenas três cores; a primária, a secundária e uma para acentuar certos detalhes.
  • Logo: O logo representa a identidade visual da sua marca e portanto seu blog deve ter uma logo adequada. Este passo pode parecer um desafio ou até ficar caro caso você queira contratar um profissional, uma vez que, como blogueiro, sua prioridade é escrever. Portanto, a melhor escolha é usar o Wix Logo Maker. Você vai ter uma solução completa para o processo de criação do logo. Depois de quatro perguntas fáceis relacionadas ao seu estilo e seus objetivos, você pode escolher entre centenas de opções totalmente personalizáveis. Apenas lembre-se de ter um logo que seja relevante e exclusiva para sua marca (por exemplo, não use um pássaro para o site de uma confeitaria, a não ser que o nome, de alguma forma, seja relacionado a isso).

Seu tempo como profissional é valioso e, portanto, talvez a melhor opção seja economizar um bom tempo no design do seu blog e deixar o Wix ADI fazer tudo por você. Baseada nas suas respostas a algumas perguntas simples, a inteligência artificial de design (ADI) vai automaticamente criar um blog, com fontes, layout e paleta de cores já determinados, e tudo isso em questão de minutos.

05. Proporcione uma experiência de navegação tranquila

Quando os internautas navegam no seu site, eles devem encontrar uma esquema de navegação intuitivo e eficiente. Em outras palavras, uma excelente Experiência de Usuário (UX). Além desta ser a palavra que é tendência no momento, é também um dos aspectos mais importantes do seu site e no qual você deve focar. Em resumo: cada palavra e cada imagem são importantes. A seguir, você vai encontrar a forma como proporcionar a melhor UX para seu blog, desmembrada em etapas:

  • Crie um menu: Além das páginas obrigatórias – Início, Sobre e Contato – inclua no menu categorias distintas para diferentes tipos de post que você vá publicar (viagem, receitas, yoga aéreo, etc.). As opções que quase sempre atraem o público são “Tutoriais”, “Tendências” e “Recomendações do autor”. No Wix Blog, quando você cria uma categoria num post, ela vai automaticamente ser adicionada como um item do menu.
  • Use tags: Tags são palavras ou conjuntos de 2 palavras que descrevem os pontos mais importantes do artigo (por exemplo: “sem glúten” ou “posições de yoga”). Artigos em diferentes categorias podem ter as mesmas tags. Portanto, quando alguém clicar em uma tag ou fizer uma busca em seu site vai ser direcionado para uma nova página com os artigos que fazem menção ao mesmo assunto.
  • Adicione uma barra de busca: Os usuários podem rapidamente fazer uma busca em seu blog para encontrar posts relacionados ao tópico que escolheram. Se a palavra estiver em qualquer lugar do post, não só no título ou hashtags, o post aparecerá nos resultados de busca.
  • Crie conteúdo intuitivo para o site: Para encorajar seus leitores, inclua um conteúdo que os deixe entusiasmados. Sua página “Sobre” deve conter uma descrição breve, mas relacionada ao propósito do blog. Da mesma forma, todo o restante do seu conteúdo, da página inicial às descrições e títulos, devem seguir este conselho: serem concisos e atraentes.
  • Seu logo deve ter um link para a página inicial: Este é um costume que os visitantes já esperam encontrar, sendo assim, seria bom você implementá-lo. É ótimo que seus usuários associem seu logo ao nome do seu negócio e à sua marca. Portanto é crucial adicionar um link do logo ao seu domínio e, por consequência, à sua página inicial.
  • Inclua as informações de contato no rodapé: Adicione uma seção ao final do seu blog que inclua telefone, email e outras formas de contato importantes para que os usuários tenham todos acesso a todos os meios disponíveis e possam entrar em contato com você. Isso vai minimizar a frustração dos leitores se tiverem que procurar por todo o site para encontrar suas informações.

06. Comece a planejar e criar blog posts

Para dar as boas vindas aos seus leitores crie um post que seja uma introdução para explicar um pouco sobre você e descrever os objetivos do seu blog. Uma excelente opção é incluir uma pequena pesquisa para conhecer seus leitores e perguntar-lhes qual o tipo de conteúdo que mais lhes interessa. Depois disso é chegada a hora de mergulhar nos posts que você planejou escrever quando criou este blog. É evidente que criar conteúdo é algo que você vai aprendendo e melhorando com o tempo, e conforme adquire uma melhor compreensão sobre seu público. No entanto, uma das melhores formas de começar é criar um cronograma para seu blog de forma a diversificar seus tópicos e decidir com que frequência você vai querer postar. Crie uma tabela que inclua os dias e semanas com o título correspondente de cada post que você vai cobrir nas respectivas datas. Encontre um equilíbrio estratégico para seu conteúdo. Em poucas palavras, você deve publicar conteúdo diversificado pelo menos uma vez por semana.

Para cada artigo individualmente, tenha em mente estas dicas cruciais:

  • Crie um conteúdo campeão. Um conteúdo fantástico é o que vai fazer seu post se destacar dos outros. Se você é um novato no mundo dos blogueiros, este guia vai te ajudar com algumas ideias inteligentes de conteúdo para seu blog. Lembre-se de sempre pensar em primeiro lugar sobre qual o objetivo do seu blog post e depois disso você pode adicionar todo o resto para atrair seu público.
  • Use palavras-chave para se inspirar a respeito de seus tópicos. Elas te permitem ver quais os tópicos relevantes que a maioria das pessoas está interessada em ler. Além disso, podem te dar uma inspiração para seus blog posts e título. O Planejador de Palavras-chave do Google é o melhor lugar para encontrar estas opções e escolher as que são apropriadas para seus artigos.
  • Inclua 2 a 3 fotos. Estas devem estar de acordo com o tópico sobre o qual você está escrevendo. É melhor evitar imagens com muita cara de bancos de imagens. Você pode escolher entre muitas imagens de qualidade disponíveis no Editor Wix ou então procurar na web fotos e vídeos gratuitos. Com o Wix Pro Gallery, você também pode adicionar uma galeria profissional aos seus posts individualmente. Por fim, além das fotos que você vai inserir nos seus artigos, não esqueça de incluir uma imagem que possa ser, de forma metafórica, a “capa do seu livro”.
  • Adicione as chamadas de ação (CTAs). Em seus artigos, inclua pelo menos uma amostra clara da sua intenção de como converter seus leitores: um  CTA. Isto é, um link adicionado ao seu post que demonstra claramente suas intenções, por exemplo, “crie uma conta” ou “assine nossa mailing list”.
  • Ninguém gosta de cópia! Seu conteúdo deve ser exclusivo, uma vez que não apenas o Google sabe e vê tudo, mas plagiar também é contra a lei.

Wix Pro Gallery

07. Foco no SEO: Otimização para Motores de Busca

O SEO, se bem feito, vai direcionar mais tráfego para seu blog e vai ajudá-lo a ter um ranking mais elevado nos resultados de busca. O primeiro passo aqui é ser reconhecido pelos motores de busca – principalmente o Google, por ser o mais popular. Dessa forma, os sites Wix foram construídos tendo as ferramentas certas para que seu site possa estar visível em poucos segundos. Após completar este processo (conhecido como indexação), há mais alguns passos que você precisa dar para seu site ficar otimizado. Nós montamos o mais claro e completo guia de SEO para blogueiros. Leia o guia com atenção, ele vai te ajudar a evitar erros muito prejudiciais. Enquanto isso, você já pode ir dando uma olhada neste pequeno resumo.

  • Palavras-chave. Estas são palavras que você escolhe para conseguir um ranking mais elevado nas buscas por palavras específicas. As palavras-chave também são a forma como você sabe que está alcançando o público certo com seu conteúdo. Vejamos, se seu blog é sobre fotografia, você pode usar “técnicas de fotografia” devido ao alto volume de buscas e por ser relevante. Não está muito certo sobre quais palavras-chave usar? O melhor método e o mais comum para encontrar opções relevantes é o Google AdWords e seu Planejador de Palavras-chave. Para uma maior inspiração, veja nossos artigos sobre ferramentas de SEO essenciais (e grátis) que vão te ajudar a encontrar os tópicos certos para seu blog.
  • Otimização “on-page”. Nas páginas e seções do blog, as palavras-chave também são críticas. Você deve escolher e pesquisar as que são adequadas para seu site. Em seguida, deve inseri-las da forma mais natural possível nos títulos das suas páginas, descrições e URLs. Usar o Wix SEO Wiz é uma outra opção muito conveniente para aumentar as chances de ser descoberto pelo Google e pelos leitores. Este recurso simples já está disponível no seu Wix Blog com um plano completo passo-a-passo e palavras-chave recomendadas.
  • Otimizando posts individuais. O mesmo conceito de palavras-chave também se aplica para cada artigo individualmente. Inclua palavras-chave relevantes nos lugares mais importantes do seu post onde o Google e outros motores de busca possam vê-las. Incluindo o título do seu post (uma vez), o parágrafo de introdução (uma vez), o corpo do artigo (duas a quatro vezes) e o título do SEO e descrição (uma vez em cada).
  • Alt text para as imagens. Uma vez que os motores de busca não conseguem ler fotos, usamos alt text, uma pequena descrição adicionada a cada imagem para ajudá-los a compreender e reconhecer do que se trata. Este também é um local para incluir palavras-chave apropriadas. Dessa forma, quando alguém procurar por essas palavras há uma chance da sua imagem aparecer na Pesquisa do Google Imagens, permitindo aos usuários acessar seu artigo através de um link.
  • Links internos. Trata-se de links adicionados aos seus posts, que conectam um artigo a outro em seu blog. Por exemplo, se você está postando um artigo sobre “Como dominar as poses básicas de Yoga” e fala sobre poses para os iniciantes, você pode incluir um link para um outro artigo que você criou chamado: “10 formas para dominar a posição do cachorro olhando para baixo”.

Meta dados para blog

08. Seu blog deve ser amigável a dispositivos mobile

Um blog preparado para mobile é uma versão do seu site adaptada para os dispositivos móveis. Isto significa que esta versão é construída de forma a que todos os componentes do seu blog estejam facilmente acessíveis para quem prefere ler no smartphone. Isto não é apenas muito conveniente, mas é imprescindível no mundo tecnológico de hoje em dia, onde mais de 50% da internet é consumida através de celulares e tablets. O Google anunciou a Revolução da indexação mobile-first, ou seja, esta é uma prioridade ainda maior. Isto significa que agora o ranking dos sites (incluindo os blogs) é classificado primeiramente a partir da sua versão mobile. Resumindo, o passo inicial para ser otimizado para SEO e reconhecido pelo motor de busca é ter um site amigável aos dispositivos mobile. Não se preocupe! Você não vai precisar trabalhar no design do seu site usando um microscópio para conseguir um resultado incrível. O Editor Wix gera automaticamente uma versão do seu site otimizada para todos os dispositivos e tamanhos de tela.

09. Confira três vezes antes de publicar

Sabemos que pode ser bastante intimidador clicar nesse botão que é, até certo ponto, assustador. Por esse motivo criamos um “checklist” de itens a serem conferidos antes de publicar seu site. Para que seu site chegue ao mundo online da forma como você imaginou, certifique-se de fazer a revisão, tanto da versão desktop como da mobile, com bastante tempo de antecedência.

Peça a um familiar ou amigo para verificar se está tudo correto em termos de ortografia e gramática – quando escrevemos um conteúdo, frequentemente deixamos de ver pequenos erros. Depois verifique; o conteúdo está da forma que você quer? Todos os links funcionam corretamente? Os usuários conseguem se cadastrar? Todas as opções do menu direcionam para as páginas certas? Após tudo ser conferido duas ou três vezes, você pode finalmente clicar no botão “publicar”!

10. Promova seus artigos

Parabéns! Seu blog já está no ar – e está lindo! No entanto, publicá-lo foi só o primeiro passo. Agora você precisa dar aqueles passos adicionais e necessários para se certificar de que todo o seu trabalho vai ser visto. Há muitas formas de direcionar tráfego para seu blog e promover seus artigos. Veja a seguir algumas das mais importantes:

  • Opção para se cadastrar. Se você quer construir uma comunidade que acesse  regularmente seu conteúdo, deve dar essa opção aos leitores de forma clara e num local bem visível do seu site. No Wix Blog já está incorporada ao design a opção para você poder posicionar esse botão no local que você escolher.
  • Email marketing. Tendo a sua lista de assinantes, o primeiro passo do email marketing é começar com um email de apresentação explicando o que é seu blog e dando ao seu público a opção de assiná-lo. A partir daí, você começa a compreender qual o número de pessoas interessadas. Só que este é apenas o início da sua trajetória como blogueiro e, sendo assim, esses números vão crescer. Você pode facilmente criar emails com o Wix ShoutOut para enviar seus blog posts. Com esta ferramenta, você pode fazer tudo: personalizar seu design, integrar a lista de contatos, publicar automaticamente nas redes sociais e monitorar suas estatísticas.
  • Redes sociais. Já que seus leitores verificam seus feeds inúmeras vezes por dia procurando informações interessantes, este é um dos melhores locais para promover seu blog. Isso é ainda mais efetivo se você já tem páginas nas redes sociais onde é mais provável que consiga alcançar seus assinantes com títulos e conteúdo cativantes. O Wix Blog já inclui uma barra social ao final de cada novo artigo, dessa forma seus leitores podem imediatamente compartilhar sua criação com suas próprias comunidades no Facebook, no Twitter e onde mais sejam ativos.
  • Comunidade de seguidores. Os usuários têm a opção de seguir seu blog. Isto significa que serão membros da sua comunidade, interagindo com seus posts e recebendo atualizações sobre novos conteúdos. Mais ainda, se você estiver verdadeiramente impressionado com os comentários de um dos membros ainda tem a opção de lhe propor que seja um escritor convidado em seu blog.

Email marketing

11. Medir e melhorar seu desempenho

Para continuar na frente da concorrência, lançando excelente conteúdo, é vital dar um passo atrás e procurar compreender o desempenho do seu blog como um todo. Verifique todos os detalhes uma vez que a única maneira de melhorar é ver o que funcionou e o que não funcionou. Para medir seu sucesso até o momento, faça uma análise completa e profunda do desempenho do seu blog. Para poder mergulhar fundo nestas informações valiosas, certifique-se de ter em seu site ferramentas de monitoramento e análise. Uma escolha muito popular entre estas ferramentas é o Google Analytics para ver como as pessoas reagem aos seus posts (Quantos leitores? Quanto tempo ficam lendo os posts?, etc.) e o Google Search Console para ter uma visão clara do tráfego orgânico que chega em seu blog. Sempre que você vir um post de muito sucesso – seja ele um título, um formato específico de conteúdo ou uma imagem – você poderá identificá-lo e criar conteúdo semelhante no futuro. Você também pode monitorar seus resultados através de feedback recebido de pesquisas com os usuários.

Um presentinho: Porque você merece, nós reunimos as melhores ferramentas para blog para você seguir no caminho certo para ser um craque.

Pronto para compartilhar conhecimento? Comece seu blog agora mesmo!

Por Equipe Wix

Receba o Blog do Wix
no conforto da sua casa!

Assine o Wix Blog e não perca nenhuma novidade!

Opa, esse não é um email válido.

Opa, esse não é um email válido. Email already exists

Opa, esse não é um email válido. Invalid email

Aproveite! \ 

Receba em primeira mão dicas atualizadas sobre como
promover seu negócio, Web Design, SEO e o Wix!

Opa, esse não é um email válido.

Opa, esse não é um email válido. Email already exists

Opa, esse não é um email válido. Invalid email