O que é uma landing page? O guia completo (com exemplos)


O que é uma landing page? O guia completo


O marketing on-line é o melhor amigo de um empresário. Ao levar o seu negócio à internet, você vai precisar de uma estratégia poderosa de marketing digital que capture perfeitamente a mensagem que sua marca quer passar e promovê-la em vários canais. Vamos dar uma olhada em uma das ferramentas mais eficazes para fazer exatamente isso – a landing page.


As landing pages (ou páginas de destino) são essenciais para promover a sua marca e têm poder para gerar conversões. Ao usar um criador de landing pages para projetar e personalizar suas páginas de destino, você pode segmentar com precisão o seu público e guiá-lo pelo funil de vendas.


Vamos nos aprofundar mais em como as landing pages funcionam – e como você pode usá-las a seu favor.



O que é uma landing page?


A landing page é uma página da web autônoma criada para atingir um objetivo: a conversão. É uma ótima estratégia de marketing e pode ser usada em campanhas publicitárias. Essa página pode aparecer em resposta a um clique em um resultado otimizado para motores de busca, campanhas de e-mail marketing, de redes sociais ou anúncios on-line. Esse tipo de marketing é fundamental para gerar leads, alcançar os clientes certos e nortear a sua estratégia de marketing geral.


As landing pages compelem os usuários a clicar em uma call-to-action (CTA ou chamada de ação), como por exemplo: “Comece aqui”, “Assine já”, “Compre agora”. Dessa forma, elas convertem usuários - seja se inscrevendo para experimentar um serviço gratuitamente, assinando um serviço ou fazendo uma compra.



A diferença entre uma homepage e uma landing page


É comum confundir uma homepage (ou página inicial) com uma landing page. A principal diferença entre elas é que a última é usada para promover uma única estratégia de marketing ou meta de vendas. Enquanto que a homepage é multifacetada – ela pode apontar para uma página “sobre nós”, galeria de imagens, loja on-line e muito mais – já uma landing page inclui apenas as informações mais essenciais que direcionarão os usuários para cumprir um objetivo específico.


As landing pages não têm links adicionais que desviam os visitantes do CTA. Como resultado, os usuários que chegam nela não têm outra escolha a não ser sair da página ou converter.


O foco definido dessas páginas as torna altamente eficazes quando se trata de aumentar as taxas de conversão e reduzir os custos de aquisição de leads e de fazer vendas.


Para dar uma melhor noção da diferença entre as duas, confira um exemplo de cada uma abaixo:


Modelo de homepage


Modelo de home page


Modelo de landing page


Modelo de landing page


Como criar uma landing page


Você pode criar a sua própria landing page usando um modelo pronto e gratuito. Todos esses modelos foram criados por designers profissionais e especialistas em marketing, então são uma boa opção para gerar conversões e fazer vendas. Eles são totalmente personalizáveis, assim, é possível adaptá-los ao logo da sua empresa, cores da marca ou qualquer outro elemento. É possível até criar duas páginas diferentes e ver qual delas tem um desempenho melhor com o seu público.


Lembre-se de que a landing page precisa transmitir o valor que você fornecerá. Clientes em potencial só dão seus dados de contato ou fazem uma compra na landing page se realmente acreditarem que isso pode beneficiá-los.


Dê uma olhada neste artigo completo para saber mais informações sobre como criar uma landing page gratuitamente.



Tipos de landing pages


Agora que você já sabe o que é e como criar uma, vamos descrever os dois principais tipos de landing page:


  • Landing page para gerar leads: também chamada de “lead gen” ou “captura de leads”, este pequeno site gera leads coletando informações sobre o público. Normalmente, inclui um formulário em que os visitantes enviam seus dados para contato, permitindo que você faça o acompanhamento por e-mail e continue a linha de comunicação. As páginas de geração de leads são uma ótima maneira de ter uma ideia geral sobre quem são seus clientes em potencial e como alcançá-los. Para encorajar os usuários a inserirem seus dados, ofereça um incentivo como um cupom, e-book, webinar, ou algum conteúdo exclusivo via newsletter.


  • Landing page click-through ou landing page de clique: este tipo vai guiar os usuários a uma página de vendas ou assinatura. Normalmente possui um CTA que leva os visitantes diretamente ao fluxo de check-out, incentivando-os a comprar ou assinar. São encontradas com mais frequências em sites de e-commerce ou de SaaS (software as service ou software como serviço) focados em fazer vendas imediatas.


Para saber qual tipo se encaixa melhor no seu negócio, pense nos seus objetivos. Você tem interesse em coletar dados de contato para gerar leads? Está oferecendo uma venda exclusiva? Está coletando RSVPs (confirmações de comparecimento) para um evento? Concentrar-se no seu objetivo vai ajudá-lo a criar uma página precisa e com foco específico.



Quando usar uma landing page


Quaisquer que sejam seus objetivos, existem algumas formas de alcançá-los usando uma landing page. Confira abaixo as diferentes situações nas quais uma landing page é útil:


  • Direcionar usuários para seu produto: crie uma landing page com um CTA acionável, como por exemplo: “Compre agora”, que levará os usuários para a página de compra do produto ou loja on-line diretamente.

  • Oferecer um teste gratuito: se você oferecer um serviço de assinatura, use uma landing page para que os usuários se inscrevam para experimentá-lo gratuitamente.

  • Capturar leads a partir de um post de blog: transforme os leitores do seu blog em leads ao incentivá-los a inserir seus dados para contato em troca de conteúdo mais aprofundado, como um e-book gratuito, white paper ou até mesmo um webinar.

  • Obter assinantes de newsletter: use uma landing page para encorajar os visitantes a se inscreverem na sua newsletter. Você pode incluir um CTA forte, como por exemplo: “Inscreva-se agora” ou “Inscreva-se”.

  • Obter inscrições em eventos: capture leads adicionais com uma landing page que convença as pessoas a se inscreverem em um evento, como um webinar ou curso on-line.

  • Criar uma assinatura premium: use uma landing page para as pessoas fazerem parte de um clube de benefícios que concede vantagens extras, conteúdo exclusivo ou eventos apenas para membros.


Quando usar uma landing page

Fontes: Bluleadz, Omnisend, Unbounce, Portent



Anatomia de uma landing page


Agora que você já tem uma ideia geral do que é uma landing page e por que ela é importante para o seu negócio, vamos analisar os elementos básicos do design da página para saber exatamente o que incluir:



1. Visual chamativo


Cative o seu público de imediato com um modelo criado por designers profissionais, uma imagem impactante, um vídeo ou animação relevante para sua campanha. Esta é sua chance de moldar o conteúdo de forma que os visitantes se identifiquem com ele emocionalmente. Não se esqueça de colocar o conteúdo visual mais importante no topo da página, também conhecido como above the fold, ou “acima da dobra” (a parte visível da página antes de fazer o primeiro scroll).


Esse termo remonta ao início do jornalismo e refere-se à metade superior da primeira página de um jornal onde a principal matéria é apresentada. Hoje, o termo também é usado para descrever a metade superior de um site. Ao colocar seu conteúdo mais valioso no topo, os visitantes serão cativados imediatamente e ficarão mais propensos a fazerem uma compra.



2. Títulos atraentes


Assim como a manchete de um jornal, o título de uma página da web pode despertar ou tirar o interesse de alguém a continuar lendo. Para criar um título forte, use técnicas e estatísticas poderosas para atrair leitores. O título também pode incluir um chamado para ação que atenda às necessidades do seu público.


A chave é escrever um título H1 (ou Cabeçalho 1) – muitas vezes, complementado com um subtítulo H2 – que fale diretamente com o seu público e prometa resolver os problemas deles ou melhorar suas vidas.



3. Calls-to-action fortes


O CTA é uma frase curta que leva os visitantes a concluir um objetivo determinado e é um dos elementos que definem uma landing page. Afinal, 90% dos visitantes que leram o título também vão ler o call-to-action. O CTA deve conter a ação que você deseja que as pessoas façam – por exemplo: assinar, experimentar gratuitamente, registrar hoje. Se você não souber que frase usar, confira estes exemplos interessantes para se inspirar.



Call-to-action fortes


4. Resumo dos benefícios


Em uma landing page, cada palavra conta. Você tem apenas uma página para persuadir seus visitantes a clicarem no CTA e desempenhar uma ação. Lembre-se de que só conseguirá convertê-los em clientes se eles entenderem os benefícios da sua oferta. Em vez de usar esse espaço limitado para explicar detalhadamente o que está incluso, concentre-se em explicar o que eles podem ganhar se comprarem algo ou se inscreverem.



5. Depoimentos de clientes


Após resumir os benefícios da sua oferta, você precisará encontrar uma forma de comprovar tudo que está sendo oferecido. E a melhor maneira de fazer isso é fornecer depoimentos de clientes. São citações de pessoas reais que gostam, usam e conhecem seu produto.


Adicionar depoimentos de usuários reais que fazem parte do seu mercado-alvo pode ser fundamental para motivar as pessoas a clicarem no CTA, pois ajuda a construir e estabelecer confiança na marca. Além disso, incorporar elementos visuais como fotos do seu cliente ou vídeos deles avaliando seu produto, vai chamar a atenção das pessoas. Você também pode divulgar as redes sociais do cliente para que os visitantes verifiquem sua legitimidade.


Se precisar de ajuda para saber que tipos de depoimentos são os mais eficazes para converter leads, considere usar uma ferramenta como a Spectoos.



6. Conclusão


Para aqueles visitantes que rolam até o fim da landing page, escreva uma conclusão persuasiva reiterando por que eles devem converter. Essa conclusão deve reforçar os pontos principais da página. Embora muitos visitantes não cheguem até o fim, uma conclusão poderosa pode dar o empurrãozinho que faltava naqueles que ainda estão indecisos.



Melhores práticas para uma landing page


Ao desenvolver a sua campanha, tenha em mente as seguintes práticas recomendadas para criar uma landing page eficaz para o seu negócio:


  • Minimize a navegação: evite ter um menu de navegação, porque é importante manter os visitantes na página em vez de chamar a atenção deles para outros elementos. Da mesma forma, limite a quantidade de links internos que levem a outras páginas, toda a atenção deve estar no CTA. Mantenha o conteúdo de navegação simples, menos links aumentam as conversões.


  • Maximize a legibilidade: longos trechos de texto são entediantes, podem sobrecarregar ou distrair os visitantes. Por outro lado, escrever um texto curto, agradável e fácil de ler – e usar uma boa dose de espaços em branco – chamará a atenção do seu público imediatamente atraindo seus olhares ao CTA. Este não é o lugar para exercer sua criatividade - deixe isso para o blog. Cada palavra deve servir a um propósito bem específico, que é fazer com que seu público clique no CTA.


  • Seja consistente: clientes em potencial serão direcionados à landing page a partir de um anúncio, seja em um e-mail, rede social ou nos resultados de busca do Google. Para evitar qualquer confusão ao se moverem do ponto A ao ponto B, verifique se o conteúdo do anúncio corresponde ao conteúdo da sua landing page. Isso inclui não apenas o texto em si, mas a fonte e as cores. Tudo deve estar alinhado com a sua marca, apresentando recursos semelhantes à sua página inicial. Isso vai permitir que o público se desloque pelo funil de marketing com facilidade e mínima distração.


  • Dê destaque o CTA: sua landing page deve incluir um CTA chamativo. Para isso, use uma linguagem clara e direta e um botão que contraste visualmente com o fundo. Coloque o mesmo botão de CTA várias vezes na página para dar aos visitantes a oportunidade de clicar onde que quer estejam na landing page.


  • Se concentre em mercados específicos: uma landing page eficaz se dirige aos clientes em potencial em um estágio específico do funil de marketing. Garanta que o conteúdo da sua página esteja de acordo com a intenção do seu público. Depois de segmentar os leads, você pode até criar landing pages específicas para grupos diferentes de clientes em potencial.


  • As ações devem ser simples e claras: Se o objetivo da sua landing page é coletar dados para contato ou fazer uma venda, todos os formulários devem ser curtos e exigir que as pessoas preencham apenas o essencial. Para coletar informações de contato, limite-se ao nome, e-mail e uma ou duas perguntas necessárias para sua campanha de marketing. Se o seu objetivo é fazer os visitantes realizarem uma compra, o formulário de vendas deve ser claro e conter o mínimo de texto possível para reduzir qualquer tipo de confusão.


  • Foco no consumidor: o conteúdo da sua landing page deve focar no consumidor, não na sua empresa. Em vez de falar o quanto a sua empresa é incrível e todas as suas conquistas, direcione a atenção do seu público para os benefícios que eles terão ao se tornarem clientes.


  • Coloque o conteúdo mais importante no topo: não dependa de os visitantes rolarem até o final da página para converter. Coloque pelo menos um botão de CTA no topo de forma bem visível e instantaneamente clicável. Os outros elementos essenciais da sua landing page, como a imagem e o título, também devem ficar no topo.


  • Torne-a compatível com dispositivos móveis: sua landing page não precisa ter apenas uma ótima aparência em qualquer dispositivo, ela também precisa carregar rapidamente. Uma boa parte do tráfego virá da navegação móvel, e é improvável que os visitantes convertam se a página ficar desconfigurada em uma tela menor ou carregar devagar demais.


Como atrair visitantes para sua landing page


Agora a parte divertida – atrair visitantes e convertê-los. Confira as principais maneiras de aumentar o tráfego:


1. Redes sociais


Como umas das plataformas de maior destaque para engajar seu público-alvo, as redes sociais são o ponto de partida para promover sua landing page. Seja no Facebook, LinkedIn, Twitter ou Pinterest, crie um post atraente com um link para sua landing page. Assim, você vai atrair pessoas que já estejam interessadas em sua marca, trazendo tráfego de qualidade.



2. E-mail marketing


O e-mail marketing continua sendo um dos métodos mais eficazes para atrair visitantes para sua landing page. Por isso, após divulgar o que deseja por rede social, crie uma campanha de e-mail para enviar à sua lista de contatos.


Se você acertar o assunto do e-mail, os recursos visuais, layout e redação, sua landing page terá um aumento perceptível de visitas. Se não souber por onde começar, dê uma olhada neste guia de e-mail marketing.



Como atrair visitantes para sua landing page


3. Otimize para SEO


Atraia mais visitantes para suas landing pages otimizando-as para que tenham um alto ranqueamento nas páginas de resultados dos motores de busca, como o Google. Quanto maior o ranqueamento do seu conteúdo, mais pessoas clicarão no seu link.


Você pode fazer isso adicionando uma combinação estratégica de palavras-chave de cauda longa e curta à sua landing page. É possível determinar que palavras-chave seriam as ideais fazendo algumas pesquisas em ferramentas de SEO como Ahrefs ou Semrush. Inclua essas palavras ou termos na title tag, meta description e no cabeçalho da sua página.


Ao criar um site no Wix, você pode personalizar o SEO na própria página, incluindo meta tags, slugs de URL, canonical tags e outros elementos de webpages.


Os cabeçalhos ou headers, por exemplo, não existem apenas para facilitar a leitura, mas fazem parte da linguagem HTML que o Google lê para determinar o ranqueamento dos sites. Quando o Google analisa o conteúdo de um site, ele usa os cabeçalhos para obter informações de um site ou página da web.


Os cabeçalhos são organizados em uma hierarquia de H1 a H6 e são uma forma de priorizar o conteúdo da sua página. O H1 é o título da página, que é a primeira coisa que o Google verifica para determinar o tópico principal de um site. É por isso que a palavra-chave principal deve estar no título H1, pois ela descreve explicitamente o conteúdo da sua página.


Além disso, uma landing page manterá qualquer autoridade de SEO acumulada ao longo do tempo. Por exemplo, se você criar uma landing page para uma campanha de marketing sazonal, é uma boa prática manter a página em funcionamento mesmo após o término da campanha. Depois, você pode reutilizar o mesmo URL quando for a hora de lançar a campanha novamente. Você só precisará atualizar o conteúdo.


4. Anúncios pagos


O marketing nas redes sociais, e-mail marketing e SEO são maneiras gratuitas de aumentar o tráfego na sua landing page. Porém, se você quiser dar mais uma forcinha, considere promover sua landing page com anúncios pagos. Ao segmentar os visitantes com base nos interesses deles e dados demográficos, landing pages específicas serão direcionadas para cada nicho.


  • Anúncios de resultados de pesquisa: já notou os anúncios listados na parte superior da página de resultados do Google? Esses são os anúncios dos resultados de pesquisa. Com base nas palavras-chave que você usou, esses anúncios aparecem no Google e em outros motores de busca quando as pessoas incluem esses mesmos termos em suas consultas.


  • Anúncios em redes sociais: quando você cria posts pagos, redes sociais como Facebook e Instagram os promovem para pessoas que correspondem ao perfil do seu público-alvo com base nos interesses delas. Isso permite que você alcance usuários com interesses relevantes para seu produto ou serviço.


  • Posicionamento de anúncios: outra opção é usar ferramentas de publicidade de terceiros para colocar banners em sites frequentados pelo seu público.


A depender das suas metas, você pode optar por diversificar seus esforços de publicidade ou se concentrar em apenas uma dessas plataformas. Seja qual for a estratégia, monitore constantemente seus resultados para que possa adaptar sua campanha de acordo.


Landing page - anúncios pagos


Benefícios da landing page


Landing pages oferecem muito potencial de crescimento para sua empresa e são uma ferramenta poderosa para ajudá-la a continuar prosperando. Confira os principais benefícios de usar as landing pages na sua estratégia de marketing.


  • Melhoram drasticamente sua taxa de conversão: como mencionado anteriormente, as landing pages se concentram em um único objetivo: fazer seus visitantes agirem. Isso os ajuda a descer pelo funil de marketing – transformando visitantes anônimos em leads e, finalmente, em clientes pagantes.


  • Fornecem informações valiosas sobre seu público: se você incluir um formulário de inscrição na landing page, poderá obter dados demográficos do seu público e entender melhor seu mercado-alvo. Além disso, os canais que funcionam – ou não – para promover sua landing page dizem muito sobre os interesses e hábitos dos seus clientes em potencial. Você poderá usar essas informações para otimizar seus esforços de segmentação e estratégia de marketing como um todo.


  • Aumentam o reconhecimento e percepção da marca: uma landing page atraente e bem projetada transmite profissionalismo, agrega valor e interesse à sua marca. As landing pages não são apenas uma excelente ferramenta para gerar leads, elas também ajudam a fortalecer sua marca devido à divulgação. Quanto mais pessoas souberem sobre você, melhor será para seu negócio.


  • São mensuráveis: ao analisar as métricas como taxa de conversão, rejeição, visualizações de página e origem do tráfego, você pode ter uma noção do desempenho de uma determinada campanha de marketing. Analise de onde vem o tráfego – por exemplo, em um post pago ou uma campanha de e-mail marketing – para determinar quais ativos de marketing estão se mostrando mais eficazes.


Exemplos de landing page


Para entender como implementar essas estratégias, dê uma olhada nestes exemplos de landing pages para ver como outras empresas projetam as suas:



1. Editor X do Wix


Criado especialmente para web designers e agências, o Editor X oferece recursos avançados de design que permitem criar sites complexos sem usar códigos. Esta landing page simples e elegante tem letras brancas em negrito sobre um fundo azul-escuro.


Ao entrar no site, você é imediatamente recebido com o título: O novo padrão do web design em letras brancas grandes que aparecem logo acima de uma imagem da tela de edição do Editor X. Tons de azul mais claros aparecem à medida que rolamos a página, contrastando com o azul-escuro do topo. O botão de CTA “Começar” aparece logo abaixo do texto.


Ao rolar a página, você vai notar que não há muitos links para outras páginas que possam distrair o público do CTA principal. A página apresenta muitas declarações curtas descrevendo vários recursos da plataforma com um botão de CTA abaixo de cada uma e imagens grandes e chamativas. Esta landing page incorpora o mínimo de texto possível e imagens modernas e futuristas para atrair a atenção de um público mais profissional.



Editor X, o futuro do design de sites


2. SurveyMonkey


Como líder global em software de pesquisas e questionários, o SurveyMonkey criou uma landing page que apresenta duas opções ao público que acessa a página: “Seja premium” e “Inscrição grátis”. Acima dos botões de CTA, há um texto curto ressaltando uma vantagem: Tenha as melhores ideias. Questionários oferecem insights práticos e novas perspectivas.


A grande quantidade de espaços em branco ajuda os leitores a seguir o conteúdo sem se distrair. Conforme rolamos a página, vemos que o SurveyMonkey fornece apenas informações essenciais, como os preços dos três planos mais populares e um formulário de contato para agendar uma demonstração. O formulário requer o mínimo de informações, incluindo nome, e-mail comercial, cargo e nome da empresa.



3. Tipalti


A Tipalti é uma empresa financeira B2B (business to business ou de empresa para empresa) que criou uma landing page para gerar novos leads. No fim da página, há um formulário para coletar informações de contato seguido por um grande botão amarelo do CTA principal: “Get a demo” ou agende uma demonstração.


A empresa mantém elementos da sua marca, como as cores, fonte e logo, por toda a página para ser consistente com seus esforços de marketing. Embaixo do cabeçalho, eles destacam motivos pelos quais você deve escolher o serviço deles, incluindo depoimentos com fotos de cada cliente. Também vemos muitos botões de CTA, oferecendo aos visitantes várias oportunidades de agendar uma demonstração.



4. Miro


O Miro é uma ferramenta on-line colaborativa em que equipes criam quadros visuais para planejar projetos e tarefas. Ao entrar nesta landing page, somos recebidos com uma imagem mostrando uma possível aplicação da ferramenta. Ela mostra uma prévia de como funciona a função de planejamento de projetos. Isso chama a atenção imediatamente e cativa o visitante.


O CTA Criar uma conta gratuitamente, está localizado à esquerda e está cercado por espaços em branco que forçam a sua atenção para esse lugar. Logo abaixo, a página apresenta alguns dos clientes mais importantes do Miro e um quadro com os principais benefícios do produto. Esse design simples, mas cativante, é um exemplo excelente de uma landing page bem feita.



5. Upwork


O Upwork é uma plataforma líder de freelancers, voltada tanto para esses profissionais, quanto para empresas que desejam contratá-los. Esta landing page em particular tem como alvo empresas que desejam contratar freelancers para projetos independentes. O CTA principal, “Find talent” ou encontre um profissional, aparece duas vezes no topo da página, facilitando o clique e a conversão dos leads.


As cores da marca, verde e branco, estão presentes por toda a página, juntamente com uma lista dos principais clientes, benefícios da contratação através do Upwork e depoimentos de usuários na parte inferior.




Por Bernardo Schanz

Blogger & Growth Marketing Specialist - Português

pt03.png