top of page

O que é um site? Tudo o que você precisa saber

Atualizado: 27 de mai.


Capa do post sobre o que e um site.

Atualizado em: Junho 2023


Este artigo responde à pergunta "o que é um site", abordando a história e o desenvolvimento dos sites, como eles funcionam e os tipos existentes, além de explicar como criar um site com inteligência artificial.


Nós ouvimos o termo “site” diversas vezes ao dia. No entanto, como quase todas as pessoas, empresas e organizações ao nosso redor mantêm uma presença online, pode ser complicado definir o que um site é e qual sua verdadeira essência. Além disso, você talvez se pergunte quais são os componentes de um site ou como criar o seu.


Dica de leitura: Como criar um site.







O que é um site?


Um site é um espaço na internet onde você pode armazenar informações para que outras pessoas possam acessar. Isso pode incluir detalhes sobre você, seu negócio ou assuntos de seu interesse. Dependendo da categoria do site, as pessoas também podem utilizá-los para fazer compras, conversar, estudar e se entreter.


Um site é um conjunto de páginas da web unidas por um nome de domínio comum e exibidas por meio de servidores. É essencialmente o "lar" de todas as informações que você deseja divulgar na internet. Essas informações são, em geral, compostas por textos, imagens, vídeos e ícones que se alinham para contar uma história consistente.


Todo esse conteúdo é adicionado a um site usando HTML, uma linguagem de marcação que os servidores da web conseguem ler e entender para exibir as informações relevantes. Atualmente, muitos sites podem ser desenvolvidos com criadores específicos, como o Wix, que permitem que qualquer pessoa construa seu próprio site. O HTML não é eliminado, mas é utilizado por meio de uma ferramenta autoexplicativa.


Confira nosso artigo sobre o que é Wix.



Um breve histórico dos sites


Após a idealização da internet e uma série de avanços tecnológicos, o primeiro site no formato que conhecemos hoje foi lançado em 1991. Tim Berners-Lee, um cientista da computação, foi quem criou a world wide web (rede mundial de computadores), facilitando a comunicação de documentos HTML com servidores web. Com isso, passou a ser possível exibir conteúdos na internet da maneira com a qual estamos acostumados.


Desde então, os sites se desenvolveram consideravelmente. Vários sistemas para a criação, design e apresentação de sites surgiram e desapareceram. Entre esses avanços, podemos destacar o desenvolvimento contínuo do HTML e CSS, responsáveis por uma revolução nos sites dinâmicos, que agora contam com elementos avançados de design, além de recursos responsivos para se adaptar às constantes mudanças na forma como as pessoas navegam na internet.



Vale a pena criar um site?


Com o surgimento da internet e o fácil acesso aos criadores de sites, houve um crescimento constante no número de sites. Por meio deles, é possível vender itens online ou compartilhar ideias em um blog, por exemplo. No entanto, cada vez mais pessoas estão criando sites pessoais para mostrar quem são no mundo virtual.


Semelhante a um currículo ou portfólio, um site pessoal é uma página dedicada a você e às suas realizações. Muitas pessoas têm sites pessoais para impulsionar suas carreiras, enquanto outras usam esse tipo de site de forma semelhante a um perfil nas redes sociais. Hoje em dia é possível até mesmo criar um site com inteligência artificial.


Leitura bônus: o que é IA generativa.



O que e um site: exemplo de site pessoal.


Recomendamos enfaticamente a criação de um site pessoal para aumentar sua presença online. Se não estiver familiarizado com linguagens como HTML, talvez seja interessante considerar um criador de sites. Dessa forma, você poderá facilmente arrastar e soltar os elementos que quiser em suas páginas, permitindo a visualização imediata da aparência do seu site. Aqui estão alguns motivos pelos quais você deve criar um site:


Comunicação Eficaz e Consistente


Um site permite uma comunicação eficaz com clientes e possíveis clientes, garantindo que as solicitações sejam gerenciadas com eficiência. Ao fornecer informações de contato, um site oferece um canal confiável por meio do qual os clientes podem entrar em contato com a empresa, gerando uma sensação de segurança.



Credibilidade estabelecida


Credibilidade é essencial para qualquer empresa que busca se firmar no mercado. Um site desempenha um papel fundamental na construção de uma imagem profissional, inspirando confiança em clientes em potencial.


Embora os perfis de mídia social possam ser relevantes para determinados públicos, um site geralmente serve como uma fonte confiável onde os usuários podem verificar a legitimidade de uma empresa.



Visibilidade aprimorada


Os usuários confiam em mecanismos de busca como o Google para encontrar informações sobre empresas, serviços e produtos. Ter um site profissional garante que sua empresa seja facilmente descoberta nos resultados de pesquisa. Quanto mais presença você tiver na internet, maior será sua visibilidade para o público, formando a base para melhores resultados.



Canal de vendas expandido


Um site serve como o principal canal de vendas, oferecendo um caminho seguro e tradicional para a realização de negócios online. Ao estabelecer e manter um site, as empresas podem expandir suas oportunidades de vendas além do domínio físico.


Além de seu site, as empresas podem aproveitar outras plataformas como Facebook, Instagram ou plataformas de varejo, dependendo do público-alvo. Abraçar vários canais de vendas se traduz em maior potencial de vendas e alcance de mercado mais amplo.



Tipos de sites


Agora que você já sabe o que significa site, vamos nos aprofundar um pouco mais. Ao considerar a criação de um site, é necessário saber que tipos de sites existem, bem como entender as diferenças entre eles para escolher o mais adequado às suas necessidades.


De modo geral, os sites podem ser divididos em três categorias abrangentes: estáticos, dinâmicos e complexos.



Sites estáticos


Os sites estáticos são aqueles que possuem elementos fixos e, dessa forma, não se adaptam automaticamente. Eles são compostos de páginas codificadas em HTML e sempre mantêm a mesma aparência, a menos que você acesse o back-end de uma página para alterar seu código.


Geralmente, essa é a maneira mais simples de criar um site, pois não exige nenhuma forma de flexibilidade. Qualquer tipo de site pode ser estático, demandando uma manutenção mais complexa apenas quando você decidir fazer uma alteração.



Exemplo de site estatico.

Sites dinâmicos


Sites dinâmicos são sites que se adaptam de acordo com as circunstâncias e os usuários. Eles utilizam bancos de dados que podem apresentar informações variáveis em muitas páginas, e que dependem de diversos fatores, como quem acessa as páginas, quando são acessadas, entre outros. Por exemplo, ao criar um site de vendas, o carrinho de compras precisa ser dinâmico, pois muda de acordo com o usuário.


Essa estratégia é frequentemente usada por sites grandes, pois exige menos manutenção. Em vez de ter de alterar cada detalhe manualmente, as páginas dinâmicas permitem que o proprietário do site defina o parâmetro que será alterado automaticamente em todas as páginas.



O que e um site: exemplo de site de loja virtual.


Sites complexos


Os sites complexos usam uma combinação de métodos ou aplicativos web em conjunto. São mais comuns em sites que têm várias seções, como uma loja virtual com um blog ou um portfólio com um fórum.


Muitos sites utilizam essa combinação de aplicativos para maximizar as interações dos usuários com seus sites. Por exemplo, uma loja virtual com um blog pode atrair tanto pessoas que desejam comprar seus produtos quanto quem está procurando informações mais detalhadas. Independentemente do tipo de site que você criar, considere a possibilidade de torná-lo um site complexo para atender às necessidades de todos os visitantes.



Componentes adicionais de sites


Talvez a informação mais importante a ser entendida sobre os sites é que eles são mais do que apenas o conteúdo que vemos em nossas telas, já que cada site ativo possui vários componentes. Embora grande parte do trabalho necessário para a criação de um site se concentre no design e no conteúdo, há alguns outros fatores a serem considerados para colocar um site no ar.



Hospedagem de sites


A hospedagem de sites dá um lar aos sites e permite que eles sejam exibidos online. Os hosts da web são servidores que armazenam as informações contidas nos sites, além de garantir que seu site apareça na tela do visitante sempre que ele tentar acessá-lo.


Geralmente, ao criar um site, você precisará encontrar um site de hospedagem. Entretanto, se você criar seu site com o Wix, basta clicar no botão publicar para hospedá-lo online gratuitamente.



Nomes de domínio


Outro aspecto importante dos sites é o domínio. Um domínio é o endereço do seu site na internet. É ele que torna o site facilmente identificável e localizável online. Muitas vezes, o domínio é o mesmo que o nome da marca. Por exemplo, se você tem uma marca chamada Olive, seu nome de domínio pode ser olive.com.br.


Os domínios precisam ser comprados por meio de registradores oficiais. Como não é possível existir dois nomes de domínios iguais, os registradores garantem que cada site tenha um nome exclusivo. Se quiser encontrar um domínio disponível e registrá-lo, sugerimos que comece com nosso artigo sobre como escolher um nome de domínio para seu site.



Exemplo de nome de domínio.


Melhores práticas de um site


Aqui estão algumas das principais características que contribuem para o sucesso de um site, garantindo uma experiência de usuário positiva e impacto efetivo:


Conteúdo relevante e valioso


Os sites devem oferecer conteúdo de alta qualidade que se alinhe às necessidades e interesses de seu público-alvo. Seja um site institucional que forneça informações essenciais sobre a empresa ou um blog com foco em comida vegana, o conteúdo deve ser informativo, envolvente e valioso para os visitantes.



Navegação amigável


Um ótimo site deve fornecer navegação intuitiva e fácil de usar, permitindo que os visitantes encontrem informações, páginas e dados sem esforço. A navegação suave melhora a experiência do usuário e reduz o tempo necessário para localizar o conteúdo desejado.



Velocidade de carregamento rápida


No mundo digital acelerado de hoje, a velocidade é crucial. Os sites devem carregar rapidamente para manter os usuários envolvidos. Carregamento lento pode frustrar os visitantes e desencorajá-los a retornar. Além disso, os sites com carregamento rápido tendem a ter uma classificação mais alta nos resultados dos mecanismos de pesquisa, impactando positivamente seu SEO (confira nosso artigo sobre o que é SEO).



Design compatível com dispositivos móveis


Com o uso crescente de smartphones e tablets, é vital que os sites sejam mobile friendly. Aproximadamente 49% dos usuários de internet no Brasil dependem exclusivamente de seus dispositivos móveis. O design responsivo garante que os sites se adaptem perfeitamente a diferentes tamanhos de tela, permitindo uma experiência de navegação agradável em todos os dispositivos.


Ao incorporar essas práticas recomendadas, os sites podem aprimorar a usabilidade, envolver os visitantes e, por fim, atingir os objetivos desejados.



Exemplo de site mobile friendly.


Em resumo, ter um site profissional gera impactos profundos na estratégia comercial de uma empresa. Ele aumenta a visibilidade, estabelece credibilidade, facilita a comunicação eficaz e expande os canais de vendas disponíveis para o negócio.

Com a importância cada vez maior de uma presença online, um site continua sendo um ativo crítico para o sucesso na era digital. Crie o seu site hoje mesmo com o Wix:




Confira também nosso artigo sobre páginas de erro 404 e porque você deve caprichar na sua.



Por Hanna Kimelblat

Blogger & Growth Marketing Expert - Português

pt03.png
bottom of page