Como Criar um Site Pessoal: um Guia Passo a Passo


Capa do artigo "Como Criar um Site Pessoal: um Guia Passo a Passo"

Quando foi a última vez que você procurou alguém na Internet? Pode ter sido no Google, Facebook ou qualquer outra rede social. De qualquer forma, é seguro dizer que provavelmente não foi há muito tempo.


Hoje em dia, a maneira como você se apresenta online é crucial. Quer você esteja procurando um novo emprego, queira avançar em sua carreira ou simplesmente compartilhar sua história com o mundo, a criar um site o ajudará a se estabelecer como um profissional em seu setor. E, visto que sua presença online tem um grande impacto na forma como as pessoas o veem, é fundamental investir em um site com boa usabilidade e design incrível.


Para colocá-lo no caminho do sucesso profissional, este guia passo a passo explicará como fazer um site pessoal do zero, cobrindo tudo, desde a definição de sua mensagem central até o aprimoramento do design.



Como fazer um site pessoal em 9 etapas:


  1. Defina sua mensagem

  2. Pesquise e inspire-se

  3. Escolha um template

  4. Adicione seu próprio conteúdo

  5. Personalize o seu design

  6. Personalize seu site mobile

  7. Otimize seu site para SEO

  8. Procure uma segunda opinião

  9. Promova o seu site



01. Defina sua mensagem


Em primeiro lugar, pergunte-se por que está criando um site pessoal. Determinar seus objetivos te ajudará a ter um processo de criação mais fluido e direto, como qual conteúdo incluir e como estruturar seu site para melhor atender ao seu propósito.


Para facilitar sua pesquisa, aqui estão algumas perguntas que você deve considerar antes de criar seu site:


  • Como quero ser percebido por outros colegas, futuros colaboradores e empregadores em potencial?

  • Que habilidades ou características eu tenho que me diferenciam das outras pessoas em minha área?

  • O que espero que meu site pessoal me ajude a alcançar?


Reserve um tempo para refletir sobre essas questões, pois elas servirão de guia para o processo de criação do seu site. Na verdade, suas respostas são a base de sua marca pessoal - o que o distingue dos outros. Uma identidade de marca clara garantirá uma mensagem coesa e bem pensada em todos os seus ativos online.



02. Pesquise e inspire-se


Antes de criar seu site pessoal, navegue na web em busca de inspiração. Você pode procurar pessoas que admira em seu setor para ver que tipo de conteúdo elas compartilham em seus sites. Também recomendamos passear por esses exemplos de sites pessoais criados por nossos profissionais, e também esses templates de portfólio e sites de currículo.


Ao procurar inspiração, preste atenção no design do site, e pense no conteúdo que você deseja exibir. Existe um layout específico que pode funcionar bem para o seu site? Talvez você tenha notado uma paleta de cores que corresponda à sua marca pessoal?


Anote suas descobertas e salve as capturas de tela relevantes em uma pasta. Dessa forma, você poderá consultá-los ao criar seu site.



03. Escolha um template


Depois de explorar uma ampla seleção de sites pessoais, você terá uma ideia mais bem definida do tipo de site que deseja criar. Para se colocar no caminho certo, navegue por templates de sites pessoais feitos por designers. Eles não só permitirão que você crie um site pessoal gratuitamente, mas também, que você será capaz de ajustar o design e se concentrar no conteúdo em si, garantindo uma experiência positiva do usuário e uma boa navegação no site.


Idealmente, você deve escolher um template que já corresponda ao seu estilo pessoal e à sua estratégia de conteúdo. Também considere se você criará um site de uma página ou de várias páginas e escolha um template que atenda a esses requisitos.


Exemplos de templates de sites pessoais


04. Adicione seu próprio conteúdo


Neste ponto, você já deve ter uma ideia clara de por que está criando um site pessoal. Agora que você escolheu um template para começar, é hora de considerar como.


Embora a magia de algumas coisas more na espontaneidade, criar um site do zero definitivamente não é uma delas. Antes de se envolver com o web design, identifique quais conteúdos e seções seu site pessoal necessita.


Faça uma lista de todo o conteúdo que seu site deve conter. Isso varia de acordo com sua área de especialização e o tipo de site que você está criando. No entanto, aqui estão alguns elementos que quase todos os sites pessoais devem incluir:


  • Página inicial: é provável que sua página inicial seja a primeira página de seu site que os visitantes veem. Para causar uma primeira impressão positiva, esforce-se para aperfeiçoar o design da sua página inicial. Comunique claramente quem você é e o que você faz com uma forte declaração de missão e um design atraente.

  • Biografia/Quem sou eu: sua biografia pode ter a forma de uma breve introdução pessoal em sua página inicial, ou você pode criar uma página dedicada ‘Sobre’/'Quem sou eu'. Sua biografia deve destacar sua carreira profissional, mas não tenha medo de expressar sua personalidade única compartilhando hobbies e interesses adicionais. Se você estiver criando um site de currículo, considere adicionar uma versão para download do seu cv.

  • O melhor do seu trabalho: seu site pessoal pode servir como um portfólio online que mostra o escopo do seu trabalho. Como alternativa, você também pode incluir amostras online de seu trabalho adicionando links para páginas externas. Certifique-se de fazer a curadoria de seu portfólio para que você compartilhe apenas as peças de que mais se orgulha. Mesmo que você não opere em um campo visual, como design ou fotografia, você pode encontrar maneiras de mostrar seu trabalho online. Por exemplo, se você trabalha com marketing, compartilhe as histórias por trás de suas campanhas de maior sucesso, destacando sua função no processo e os resultados finais. Se você for jornalista, mencione as publicações para as quais escreveu e crie um link para seus artigos.

  • Imagens e vídeos: mesmo que você não esteja procurando criar um site de ilustração ou portfólio de arte, o auxílio visual é sempre uma boa ideia. Incorporar uma foto sua criará uma atmosfera mais pessoal e fará com que você pareça identificável. Para um senso adicional de profissionalismo, considere incluir imagens ou vídeos de você mesmo engajado em sua linha de trabalho. Pode ser qualquer coisa, desde você falando em uma conferência, atuando no palco, sentado em sua mesa em um ambiente de escritório e muito mais.

  • Blog: criar um blog é uma ótima maneira de compartilhar seu conhecimento e fornecer informações valiosas sobre sua área. Também demonstrará seu nível de especialização e habilidades de redação para empregadores em potencial. Você pode escrever sobre qualquer coisa, desde atualizações do seu setor, até obras de ficção, crônicas, experiências pelas quais você já passou em sua carreira e muito mais.

  • Depoimentos: adicionar citações de pessoas com quem você já trabalhou comprova suas habilidades e melhora a credibilidade do seu perfil. Tente encorajar as pessoas a escreverem testemunhos substanciais que realcem qualidades específicas suas, em vez de simplesmente enfatizar o quão maravilhoso você é (não que a gente duvide). Embora isso possa ser verdade, gabar-se de forma exagerada pode acabar soando falso e tendo o efeito oposto do que você pretende alcançar.

  • Contato: se os visitantes do seu site não puderem entrar em contato com você, todo o seu trabalho árduo resultará em nada. Inclua todas as informações de contato relevantes em um local altamente visível e adicione uma barra de redes sociais com links para plataformas como LinkedIn e YouTube.


Depois de ter todo o seu conteúdo preparado, adicione as páginas relevantes ao seu site. Conecte todos esses elementos usando um menu de site que permitirá aos visitantes navegar com fluidez por suas páginas.


Exemplo de página "serviços" de um site pessoal em ambiente de edição


05. Personalize o seu design


O design do seu site é tão importante quanto o conteúdo em si. Se você não investe em uma bela "vitrine", os visitantes provavelmente clicarão para sair do seu site sem dar uma segunda chance para mergulhar em seu valioso conteúdo.


Além de escolher um template projetado habilmente que ressoe com você e sua identidade de marca pessoal, certifique-se de que seu site tenha uma linguagem visual claramente definida. Isso significa que todas as partes do seu site, dos botões de CTA ao rodapé, devem ser coesas em termos de tom e estilo. Aqui estão os elementos a serem considerados:


  • Paleta de cores: as cores têm um grande impacto no humor e no tom. Pesquise a psicologia das cores para escolher uma paleta de cores que evoque a sensação certa. Você é dinâmico e enérgico? Calmo e sofisticado? Para experimentar diferentes combinações e garantir um resultado estético, use uma ferramenta online de geração de paleta de cores.

  • Escolha da fonte: assim como as cores, a tipografia também tem um papel a desempenhar na transmissão de diferentes estados de espírito e sentimentos. Para escolher as melhores fontes para o seu site, navegue em outros sites em busca de inspiração e tenha uma ideia do tipo de fonte adequado à sua marca. Os templates de site currículo no Wix já vêm completos com sofisticadas fontes.

  • Layout do site: o ideal é que você já tenha escolhido um template que acomode seu conteúdo, de modo que não precise adaptar muito o layout de cada página. Navegue pelos layouts mais comuns de sites e adote aqueles que melhor se adaptam ao que você precisa. Por exemplo, um layout de tela dividida pode dar a você a chance de compartilhar uma imagem ao lado do texto na dobra superior da página inicial do seu site. Como alternativa, se o seu site for altamente visual, um layout de imagem em tela cheia pode ser melhor para você, pois colocará os holofotes em uma imagem de sua escolha.

  • Logo: Seu logo profissional é uma parte essencial de sua marca. Se você ainda não tem um, recomendamos criar seu próprio logo e adicioná-lo ao seu site em locais estratégicos, como o menu do seu site.


Exemplos de logos criadas com o Criador de Logo Wix


06. Personalize seu site mobile


Com cada vez mais tráfego de Internet vindo de telefones celulares e dispositivos móveis em geral, os melhores sites devem ter uma aparência perfeita em todos os dispositivos. Além disso, desde que o Google introduziu a indexação que prioriza os dispositivos móveis, os sites são classificados nos resultados de mecanismos de pesquisa predominantemente de acordo com suas versões mobile.


Ao criar um site com Wix, o editor mobile irá otimizar automaticamente seu design para desktop e mobile. Se desejar fazer mais alterações, você pode ajustar o design, certificando-se de que seu texto ainda esteja altamente legível e que os visitantes possam navegar facilmente em seu site pessoal.



07. Otimize seu site para SEO



Existem muitas maneiras de promover o seu site, desde campanhas de publicidade onlline nas redes sociais até ferramentas de email marketing. No entanto, preparar seu site para os mecanismos de pesquisa é algo que você pode - e deve - fazer nos estágios iniciais de criação.


Existem várias dicas de otimização de mecanismos de pesquisa (SEO) que podem ajudar a melhorar a sua classificação. Por exemplo, você deve encontrar as palavras-chave certas para o seu site e focar nelas em todo o seu conteúdo escrito, além de escolher um nome de domínio que mostre ao Google do que trata o seu site.


Para ter certeza de que cobriu todas as suas bases, recomendamos usar o Wix SEO Wiz. Desde escrever texto alternativo para suas imagens até indexar seu site no Google, esta ferramenta irá guiá-lo através de um plano de SEO personalizado. Assim, você entenderá como cada etapa pode ajudar a direcionar o tráfego para seu site, além de receber uma explicação clara de como fazer isso.



08. Procure uma segunda opinião


Depois de chegar a esse estágio, visualize seu site para verificar se tudo carrega bem e se não há erros de digitação ou links corrompidos. Embora você provavelmente tenha um site pessoal abrangente e impressionante agora, até mesmo os melhores designers de sites precisam de uma segunda opinião no processo de revisão. Pedir a um colega ou amigo de confiança para revisar seu site pode ajudá-lo a melhorá-lo ainda mais.


Talvez você possa melhorar sua biografia, escrever uma declaração de missão mais poderosa ou incorporar um toque de animação no design de seu site. Receber feedback nem sempre é fácil, mas vale a pena deixar seu ego para trás e abordar a crítica com a mente aberta. Depois de fazer as correções e ficar satisfeito com o resultado final, é finalmente hora de clicar no botão Publicar.



09. Promova o seu site


Depois de todo o seu trabalho árduo, seu site pessoal está publicado e funcionando. Mas você não quer que ele fique parado, perdido sozinho no mundo online. Além de otimizar seu site para SEO, há muitas maneiras eficazes de promover seu site gratuitamente. Aqui estão algumas técnicas para obter mais atenção em seu site:


  • Aproveite o poder do marketing nas redes sociais, compartilhando seu site em seus canais. Você pode criar um link para seu site em seu perfil, bem como atualizar seus amigos e seguidores postando sobre sua nova criação.

  • Use o email marketing para criar newsletters valiosos para enviar aos seus assinantes. Você pode informá-los sobre novas posts do blog, inscrevê-los em uma palestra ou curso online que você está dando ou enviar links para artigos inspiradores ou palestras que ouviu de líderes do setor.

  • Adicione um link para seu site e canais nas redes sociais em sua assinatura de email. Essa técnica simples de promoção online significa que qualquer email que você enviar conterá automaticamente esses links e aumentará as chances de as pessoas acessarem seu site.

  • Além de criar um blog, entre em contato com outros blogueiros do seu setor e sugira que escrevam posts de convidados. Essa situação ganha-ganha pode ajudar ambas as partes a ganhar mais exposição e trazer leads em potencial para seu site pessoal.



Publicado por Hannah Beltrão

Blogger & Growth Marketing Specialist - Português

pt03.png