Guia Completo: Como Criar um Site

Atualizado: Ago 3

Atualizado em: Agosto 2021


Capa do artigo "Guia Completo: Como Criar um Site"

Conforme a tecnologia avança, ela nos permite realizar mais e mais tarefas, mesmo sem perceber como elas são complexas. Veja como se tornou fácil acessar qualquer vídeo em seu telefone (seu sobrinho de três anos já faz isso, não é mesmo?) ou mesmo encontrar o amor com o deslizar do seu polegar em apps de relacionamento. Criar um site profissional com suas próprias mãos é uma dessas maravilhas que viraram realidade. Em 2021, com a constante melhora das plataformas de criação de sites, toda marca pode - e deve - estar presente na Internet e atrair mais negócios e clientes. Mesmo se você não dominar uma linguagem de programação ou técnicas de web design, ter um site com uma loja virtual, uma plataforma de agendamento ou uma bela galeria de fotos para exibir seu portfolio online, está ao seu alcance.


O mais impressionante é que esta realidade vai muito além: há uma quantidade incalculável de aplicativos profissionais disponíveis para gerar renda, alimentar uma comunidade de fãs e clientes e promover a sua marca. Em outras palavras, como citamos acima, com lojas online, sistemas de reservas, CRM integrado, automações de email, entre outros recursos, um site não é mais apenas vitrine ou um cartão de visitas, é o ponto central de sua vida profissional na internet.


Pronto para começar? Prepare uma boa xícara de café e separe um pouco de tempo para ler este manual com atenção, pois ele vai te indicar o caminho certo para uma presença online sem igual.


Preparamos um guia que cobre cada aspecto da criação do seu site. Da escolha da melhor plataforma para criar sites ao registro do domínio, passando pelo conteúdo e pela otimização para ser encontrado no Google, você vai ler a seguir todos os passos que precisa dar para criar um site:


  1. Defina seu objetivo

  2. Escolha a plataforma de criação de sites

  3. Defina o layout

  4. Se precisar, contrate um profissional

  5. Registre seu nome de domínio

  6. Prepare sua estratégia de conteúdo

  7. Adicione as páginas certas

  8. Coloque a usabilidade em primeiro lugar

  9. Prepare seu SEO

  10. Escolha ferramentas profissionais de marketing e gestão

  11. Torne seu site acessível para todos

  12. Interaja com seus visitantes

  13. Otimize seu site para dispositivos mobile

  14. Peça a opinião de outras pessoas

  15. Publique seu site (mas o trabalho não termina aqui)



01. Defina seu objetivo


Antes de começar, você precisa ter muito claro o que deseja alcançar. Um site pode ter muitas formas o objetivos diferentes, incluindo:



Seja lá o que for, seu site deve ter um objetivo principal. Por exemplo, um fotógrafo de casamento pode exibir fotos de eventos anteriores ou escrever artigos para blog, mas tudo isso deve servir ao principal propósito: ser contatado por novos clientes.


Tenha em mente que tanto os seus clientes como os robôs do Google querem compreender em um piscar de olhos o que é o seu negócio. Ter múltiplos objetivos principais pode resultar em confusão, aumentando as chances dos seus visitantes saírem prematuramente da sua página.


Exemplos de diferentes tipos de templates para sites: loja virtual, blog e portfólio.



02. Escolha a plataforma de criação de sites


Agora que seu objetivo já está definido, é chegado o momento de escolher a ferramenta certa para alcançar seu propósito. Um construtor de site (também conhecido como CMS - content management system, ou sistema de gerenciamento de conteúdo em bom português) é uma plataforma onde você pode criar, personalizar e publicar um site com total independência.


Há dezenas de plataformas disponíveis no mercado - mas nem todas foram criadas da mesma forma. Ainda não sabe qual usar? O Wix.com foi reconhecido como o número 1 entre os melhores construtores de site no mundo e por alguns bons motivos:


  • O preço: a criação, publicação e a hospedagem do site são totalmente gratuitas pelo tempo que você quiser. Se você desejar fazer um “upgrade” da sua presença online com recursos sob medida, como uma solução completa de eCommerce ou um nome de domínio personalizado, os planos premium também estão disponíveis com tudo o que é necessário para você ser bem sucedido na internet.

  • Seu estilo, seu resultado: quer você seja um designer de sites experiente ou ainda esteja um pouco ansioso com a tarefa de criar um site do zero, você descobrirá que o Wix oferece diferentes rotas criativas adaptadas para todos. Por exemplo, iniciantes podem desfrutar do Wix ADI (Artificial Design Intelligence, ou Inteligência Artificial de Design), a primeira plataforma de inteligência artificial que cria sites para você. Ao mesmo tempo, criadores experientes podem explorar o Velo by Wix, que permite que você mergulhe na programação do seu site para criar aplicativos, APIs e bancos de dados sofisticados. Dessa forma, você tem a certeza de ter um resultado que se adapta perfeitamente à sua marca.



Imagem ilustrativa da ferramenta de programação do Wix: Velo by Wix


  • Criado por profissionais, para profissionais: como seu site é o centro de sua vida online, o Wix coloca todas as soluções profissionais de que você precisa em um só lugar: email marketing e CRM, faturas, bancos de dados de usuários e muito mais. Todos eles são acessíveis a partir do seu Painel de Controle, com apenas uma senha de acesso para lembrar. Além disso, garantimos que seu site corresponda aos mais altos padrões da indústria. Você não só terá as ferramentas para criar um site com aparência profissional, mas também poderá fazer a otimização de SEO do seu site com o Wix SEO Wiz para aumentar suas chances de ser encontrado no Google. E como fornecemos a cada um de nossos usuários um certificado SSL, você poderá garantir a segurança máxima para seu site.

  • Sem barreiras de conhecimento: ser a mais completa plataforma no mercado não significa ser a mais difícil de usar. Pelo contrário! O Wix é um construtor de site do tipo arrasta-e-solta, o que significa que você pode colocar o conteúdo que quiser no local que escolher, usando apenas o movimento do seu mouse. Das suas imagens ao seu texto, você pode alterar tudo em segundos, por conta própria, sem necessitar da ajuda de terceiros.

  • Dica profissional: tem uma questão urgente e crucial? Precisa de assistência? Não se preocupe - você não está sozinho. Desde nossa equipe de suporte 24 horas até as páginas nas nossas redes sociais, há sempre alguém com quem falar. Também disponibilizamos uma quantidade imensa de material educacional, com explicações, guias e tutoriais. Comece com estes tutoriais Wix básicos e continue explorando com o Wix blog (estamos à sua disposição) para aumentar seu conhecimento de web design, marketing online, SEO e mais.


Pronto para criar seu site? A gente te garante que o processo vai ser simples, interessante e gratificante:


  1. Entre em Wix.com no seu desktop ou dispositivo mobile.

  2. Digite seu endereço de email, escolha uma senha - e pronto!

  3. Agora você tem uma conta, na qual você pode criar quantos sites você quiser. Explore as centenas de templates gratuitos disponíveis, leve o tempo que precisar, escolha o seu favorito e comece a personalizá-lo com as ferramentas e recursos à sua disposição. O céu é o limite.


Página de templates para sites do Wix



03. Defina o layout


Fato: Leva apenas 50 milissegundos para os visitantes formarem uma opinião sobre um site. É por este motivo que é absolutamente crucial ter um excelente layout, que nada mais é que a estrutura visual das suas páginas. Claro que você pode começar do zero com uma tela em branco e construir você mesmo as bases do seu site. Mas isso pode ser um baita desafio, especialmente se você é novato neste campo. É para isso que servem os templates.


Em poucas palavras, os templates são sites com um layout pré-concebido, criado por designers profissionais. Para transformar um template em seu site, basta retirar, adicionar ou alterar qualquer elemento que você quiser (texto, imagens, cores, etc.). O Wix oferece uma biblioteca com centenas de templates gratuitos que já incorporam as ferramentas necessárias para qualquer tipo de empresa - um widget de agendamento online se você é um instrutor fitness ou um mapa do Google se você tem uma loja física na cidade, etc.


A maioria dos templates tem uma página para cada categoria, todas acessíveis a partir do menu da página inicial. Com a forte influência do uso de dispositivos mobile e das redes sociais, as pessoas já se habituaram a rolar. Esta evolução explica o crescimento de um novo estilo de layout: sites de página única (as formosas landing pages), onde todo o conteúdo é distribuído em diversas seções de uma única página. Esta opção, que já é uma tendência, é recomendada se você não tem muito conteúdo textual a expor.


Dica profissional: pronto para deixar fluir toda a sua criatividade? Um bom começo é procurar compreender o que outras pessoas fizeram certo. Por isso pegue caneta e papel, e tome nota das ideias à medida que vai navegando pelos sites e pelas plataformas das redes sociais - o Pinterest é uma excelente fonte de inspiração.


Tipos de layout disponíveis para templates em branco do Wix


04. Se precisar, contrate um profissional


Um ótimo caminho a seguir se você quer ter um site excelente é contratar um profissional. Você pode fazer isso no início de sua jornada para ajudá-lo a criar seu site do zero, ou você pode trazer alguém depois de iniciar o processo de construção para ajudar em tarefas mais específicas.


Se você está procurando alguém para ajudá-lo com todo o seu site, sugerimos contratar um web designer. Muitos web designers são verdadeiros especialistas na criação e sites, e por estarem ligados em todas as últimas tendências do design, podem garantir que seu site tenha a aparência, a sensação e a funcionalidade que você deseja. Sim, contratar um designer vai custar mais dinheiro do que criar um site sozinho, mas lembre-se que eles podem ajudar a garantir um toque profissional - principalmente se você não tem tanta disponibilidade de tempo para desenvolver sua página web.


Há também outros aspectos que fazem parte de um ótimo site com os quais um freelancer pode ajudá-lo. Isso pode incluir o design de um elemento específico em seu site, o auxílio na criação de conteúdo do site e ajudando com seu SEO.


Para encontrar um profissional da web, você pode consultar os Parceiros Wix disponíveis para você através do Wix Marketplace. Este mercado online é formado por um conjunto de profissionais da web experientes que podem ajudar em todos os aspectos do seu site. Observe que todos no Wix Marketplace são verificados pelo Wix, o que garante sua qualidade. Para encontrar a combinação perfeita, você pode navegar facilmente pelos projetos anteriores dos parceiros e avaliações de clientes, ou você pode responder um pequeno questionário sobre suas necessidades e o sistema encontrará o profissional certo para você.


Dica profissional: essa é uma dica ideal para quem procura um look extra profissional, e não tem muito tempo para investir em um projeto de criação de sites.



05. Registre seu nome de domínio


Colocando em termos bem simples, seu nome de domínio é seu endereço na internet. É o que seus visitantes vão ver na barra do navegador, imediatamente após o “www.”. Registrar seu nome de domínio é crucial para seu sucesso online. Sites com um domínio específico são encarados pelo público como mais profissionais e confiáveis. Quando sabiamente escolhido, um nome de domínio também ajuda os motores de busca (como o Google e Bing) a compreender do que trata seu site, tendo um impacto positivo no seu SEO. Por último, mas nem por isso menos importante: ter seu próprio nome de domínio é o primeiro passo para adquirir seu endereço de email personalizado.


Mas como escolher um domínio memorável para a sua marca? Precisa ser:


  • Curto: Porque quanto maior é, maiores as chances dos visitantes digitarem errado.

  • Simples: Evite símbolos, acentos, caracteres especiais e números.

  • Transparente: Seu nome de domínio deve incorporar o nome da sua marca para evitar confusões.

  • Chamativo: Insira uma indicação do que você faz diretamente no seu nome de domínio, procurando palavras que sejam relacionadas ao seu negócio.


O nome de domínio dos seus sonhos não está mais disponível? Com a ferramenta de disponibilidade de domínio você pode conseguir essa informação em questão de segundos. Se estiver disponível não espere para adquirir esse seu pedacinho de terra na Internet. Se não estiver, não entre em pânico! Experimente diferentes variações da sua escolha original, por exemplo, adicionando o artigo definido “o” (ou “a”) no início, ou alterando a extensão do domínio. Além de .com, .org e .como.br, você pode escolher entre 45 extensões de domínio de alto nível (TLDs). Escolha uma que seja adequada para seu tipo de negócio e ambições geográficas.



06. Prepare sua estratégia de conteúdo


Agora chegou o momento de ser prático e preparar todo o material que vai constar do seu site. Isto inclui suas imagens, slogans, vídeos, textos e mais. Naturalmente, é crucial que seu conteúdo seja original e isso significa que o máximo possível deve ser criado por você mesmo. Caso contrário, certifique-se de adquirir todo o conteúdo de forma legal. O Wix tem uma imensa biblioteca de mídia gratuita e também há inúmeros bancos de imagens e vídeos que você pode navegar.


Segundo mandamento: sempre escolha a qualidade em detrimento da quantidade. Quando lêem na tela, as pessoas são 25% mais devagar do que no papel, e portanto mais impacientes. Se você quer atrair sua atenção, precisa mostrar apenas seu melhor conteúdo. Moderação também é importante, uma vez que quanto mais conteúdo você coloca no seu site, mais tempo ele vai levar para carregar. E se seus visitantes esperarem muito tempo, eles vão sair da sua página sem realizar nenhuma ação (o que na linguagem do web design chama-se rejeição) em direção ao concorrente. Por isso é importante distribuir seu conteúdo em diversas páginas, e seguir essas dicas para otimizar o desempenho do seu site.


Por fim, certifique-se de que seu conteúdo está totalmente em sintonia com a sua identidade de marca. Pense no seu site como a sua persona virtual. Deve representar quem você é desde as suas cores às suas fontes e até seu logo. E falando nisso, se você ainda não tem um logo, agora é o momento para isso! Crie um logo profissional e coloque-o acima do seu menu. Uma boa prática é adicionar um link do logo à sua página inicial, para que as pessoas possam facilmente navegar através do seu site.


Dica profissional: é novato nesse mundo do marketing ou pensa que deveria aprimorar sua linguagem de branding? Desde textos a elementos visuais, este guia explica tudo o que você precisa saber sobre identidade de marca e te dá os primeiros passos para você criar a sua.



07. Adicione as páginas certas


Toda empresa é única e todo site também. No entanto, há algumas categorias tradicionais que todo visitante espera encontrar. A seguir há páginas imprescindíveis de qualquer site:


  • Página inicial: você só tem uma chance de causar uma boa primeira impressão. Por ser a primeira coisa que os visitantes vêem, a sua homepage precisa ter um aspecto bonito e organizado. Inclua apenas as informações mais cruciais: seu logo, seu slogan (caso tenha), um botão propondo aos visitantes que continuem navegando pelo site e um CTA principal. Certifique-se que toda essa informação apareça acima da dobra (a seção do seu site que é visível aos olhos dos seus visitantes sem precisar rolar a página) pois essa é a parte da sua página que carrega primeiro.

Exemplo de página inicial de site de eCommerce

  • A página de produto ou serviço: é aqui que acontece toda a mágica. Aqui seus visitantes descobrem o que você tem a oferecer e, se ficarem convencidos, pegam o cartão de crédito e efetuam o pagamento. As principais recomendações para esta categoria são: adicionar imagens verdadeiras e de alta qualidade, descrever seus produtos/serviços da forma mais precisa possível e ser bem explícito a respeito de suas condições (envio, política de devolução, etc.).

  • A página “Sobre”: conte sua história, seus valores, seus métodos e qualquer outra informação que possa ajudar a retratar a sua marca. Dê preferência à primeira pessoa (“Eu” ou “Nós”), pois isso torna as coisas mais pessoais, e adicione um toque de humor se achar que serve ao seu propósito. Também não se esqueça de adicionar uma foto sua ou dos membros da sua equipe, pois os clientes sempre gostam de ver os sorrisos que estão por trás desse relacionamento comercial.

  • A seção contato: há um limite de quanta informação de contato pode constar em um site claro e com uma boa navegabilidade. As essenciais: telefone, endereço, email e redes sociais (Facebook, YouTube, Twitter, etc.).


Extras (mas altamente recomendados):


  • Um blog: criar um blog é excelente para sua reputação como especialista, ajuda a formar uma comunidade em torno da sua marca, e é excelente para o SEO do seu site. Você não tem a imaginação de um autor de novelas? Não se preocupe, você tem muito mais a dizer do que imagina. Pode falar sobre seus clientes (histórias de sucesso, estudo de casos, entrevistas) ou sobre você mesmo (eventos dos quais participou, novos funcionários, etc.). Mas o mais produtivo é compartilhar sua experiência. Seus leitores vão adorar descobrir as dicas, métodos e truques que você usa para resolver os problemas com os quais você (e talvez eles também) se depara.

  • Depoimentos: 69% dos consumidores recomendariam uma empresa para outras pessoas depois de ter uma boa experiência de consumo. Dê um empurrão no poder do boca-a-boca e deixe seus clientes venderem por você.



08. Coloque a usabilidade em primeiro lugar


Um lindo site é ótimo, mas está longe de ser o suficiente. Se você quer que seus visitantes fiquem um tempo nas suas páginas, que apreciem seu conteúdo e eventualmente se envolvam com ele, é necessário facilitar a navegação. É exatamente disso que trata a experiência do usuário (UX) e há algumas noções fundamentais:


  • Arquitetura: exatamente como os cômodos de uma casa, as suas páginas também precisam estar adequadamente conectadas umas com as outras para facilitar a navegação. Para isso acontecer, certifique-se de implementar links internos entre as suas páginas. Por fim, siga a “regra dos dois cliques”: Seus visitantes não devem ter que clicar mais de uma vez para acessar qualquer página do seu site, independente de onde estejam.

  • Cores: “A cor é um poder que influencia diretamente a alma” disse uma vez o pintor Wassily Kandinsky. Este impacto imediato é o que faz esse elemento de design ser uma poderosa ferramenta de marketing. Para as suas páginas, uma regra geral é limitar-se a três tons - uma cor primária (60% da mistura de cores), uma cor secundária (30%) e uma cor para acentuar (10%). Neste artigo você encontra lindos exemplos de paletas de cores para inspirar-se.

  • CTAs: as chamadas de ação são mensagens/botões que dizem aos seus visitantes o que você quer que eles façam. A internet está lotada de CTAs, como "Cadastre-se agora”, “Não perca”, “Reserve o seu ainda hoje”. Podem ser colocadas em um botão ou como um link diretamente no seu texto. Devem ser curtas, ter um verbo no modo imperativo e, de preferência, incluir um elemento de urgência.

  • Fontes: de que adianta ter um conteúdo de qualidade se ninguém consegue ler? Escolha fontes que sejam legíveis (tanto no desktop como no mobile), consistentes com a identidade da sua marca e bem adequadas umas às outras. A regra de ouro: não mais do que três fontes, para evitar um caos visual.

  • Rodapé: esta é a parte ao final do seu site (a parte superior é conhecida como cabeçalho. Os rodapés não são vistos de imediato pelos visitantes, mas podem ser usados de inúmeras formas para melhorar a usabilidade. Por exemplo, você pode adicionar todas as suas informações de contato, mostrar um mapa do site simplificado com links para as categorias do seu site, ou mostrar o texto de isenção de responsabilidade do site.

  • Menu: este é elemento central de qualquer site profissional que garante que os visitantes possam facilmente navegar de uma categoria para outra. Por este motivo, o menu deve estar presente em cada uma das páginas do seu site. É altamente recomendado optar por um menu fixo (que fica no mesmo local quando os visitantes rolam pela página) para que eles não tenham que voltar tudo até ao topo para encontrá-lo - isto é especialmente importante se você tem um site de página única. No menu para a versão mobile do seu site, limite ao máximo o número de categorias para evitar sobrecarregar a tela pequena.

  • Movimento: estes são todos os elementos do seu site que não são estáticos. Podem ser de diversas formas, tamanhos e localizações (desde o clássico pop-up até um completo background de vídeo). Animações são excelentes uma vez que atraem os olhares dos visitantes. Mas como tudo que é bom, devem ser usadas com moderação. Está curioso para saber mais? Este guia explica todos os prós e contras da animação nos sites.

  • Efeitos de rolagem: como o nome sugere, esses efeitos aparecem quando os visitantes rolam para baixo (ou para cima). Sua sofisticação atrai a atenção e cria uma transição suave entre as diferentes camadas de uma página. Você provavelmente já ouviu falar de rolagem parallax. Esse efeito de 3D é de cair o queixo, e continua sendo uma das melhores tendências de web design, ano após ano. Mas há mais efeitos (como zoom-in e surgir) que já vêm todos incorporados no seu editor Wix.

  • Espaço branco: esta é a área do seu site onde não há nada. Mas não precisa ficar assustado com todo esse espaço vazio. Os espaços em branco dão aos seus visitantes um intervalo para “respirar” entre as imagens ou parágrafos. Dessa forma, contribuem para uma experiência de usuário muito melhor.

  • Dica profissional: E o que Leonardo da Vinci tem a dizer sobre criação online? Na realidade, muita coisa. As mesmas regras que vêm governando a arte e o design há séculos também podem ser aplicadas à internet. Do equilíbrio à simetria, saiba como os 7 princípios fundamentais do design podem ser aplicados aos sites.



09. Prepare seu SEO


Fazer com que seu site seja facilmente encontrado no google por seus clientes e visitantes em potencial depende de muitos fatores - é sabido que há mais de 200 indicadores que compõem os algoritmos que classificam os sites, como por exemplo, a qualidade do seu conteúdo, a competitividade do seu mercado, ou mesmo o número de links que outros sites encaminham para o seu (backlinks). SEO (Search Engine Optimization - ou otimização dos motores de busca, como diria Clarice Lispector) é uma ciência por si só, que requer tempo, paciência e persistência de forma a se conseguir os primeiros resultados.


No entanto, há muitos passos que você deve e já pode dar, à medida que vai criando suas páginas. Eles vão garantir que seu site seja construído de acordo com as melhores orientações em relação ao SEO, dando ao conteúdo que você publica a melhor chance de ser encontrado e devidamente posicionado:


  • Palavras-chave: para encontrar suas palavras-chave comece por se perguntar qual o tipo de questão (ou questões) um visitante em potencial possa buscar no Google para encontrar um site como o seu. Uma vez que tenha essas palavras-chave, escolha uma principal e algumas secundárias - mas não mais do que isso. Coloque suas palavras-chave em locais estratégicos do seu site (título para SEO e descrição, página inicial, etc.), mas não exagere! Motores de busca penalizam sites que entopem seu conteúdo com palavras-chave de forma pouco natural.

  • SEO on-page: este conceito assustador simplesmente significa que você precisa dizer aos motores de busca do que tratam suas páginas. Para cada uma delas seu construtor de site vai pedir que você preencha seus metadados: o URL, o título para SEO (o link em azul que você vê na lista de resultados do Google) e a descrição. Mesmo que não possam ser vistos pelos visitantes do seu site, estes elementos são críticos quando se trata de seu posicionamento e não devem ser negligenciados.

  • Hierarquia: os robôs do Google gostam de páginas bem estruturadas. Dê alguma hierarquia ao seu texto colocando em primeiro lugar seu conteúdo mais importante e construindo seu texto em torno de títulos de níveis diferentes e parágrafos concisos. Além de melhorar seu SEO, também vai agradar seus visitantes que estão cada vez mais inclinados a uma leitura dinâmica dos sites.

  • SEO local: se você tem uma loja física (escritório, loja, estúdio, etc.), vai querer que seu site apareça no topo dos resultados das pessoas que estão na sua área geográfica. Cadastre-se no Google Meu Negócio para ter uma chance de ser encontrado no Google Maps, mantenha suas informações de contato atualizadas em todos os seus canais online e otimize seu site mobile. Temos um guia muito prático que mostra como você pode tirar o máximo proveito de seu SEO local e aumentar o número de pessoas que visitam o seu negócio no mundo real.

  • Alt text: o Google sabe tudo sobre tudo, mas não consegue “ver” fotos ou GIFs, que mesmo assim aparecem nos resultados de imagens. Como assim? Os robôs conseguem ler as descrições que você dá às suas imagens. Chamadas de alt text, essas descrições não são visíveis pelos visitantes, mas ainda assim dão uma forte indicação do que se trata cada arquivo. Veja como escrever alt text para suas imagens.

  • Links internos: quanto mais suas páginas são conectadas umas às outras, mais fácil é para os robôs navegarem através do seu site. Adicione links a locais relevantes do seu texto, estimulando as pessoas a descobrirem outras páginas.

  • Dica profissional: não há nada que traga mais satisfação do que riscar um item da sua lista de coisas a fazer. O Wix SEO Wiz é uma poderosa ferramenta grátis que analisa as páginas de seu site e gera um checklist personalizado de elementos SEO que precisam ser ajustados. Você não pode deixar de usar o Wiz!



10. Escolha ferramentas profissionais de marketing e gestão


Cada vez mais, a internet se firma como o principal ambiente onde são realizadas negociações de todos os tipo. Em 2018 estima-se que 1.8 bilhões de pessoas no mundo todo compraram produtos pela internet. É por isso que seu site precisa incluir todas as ferramentas para facilitar a realização de negócios de forma eficiente e segura. Seu construtor de site favorito já incorpora as soluções profissionais que você precisa para interagir com seus clientes - seja lá qual for o seu tamanho e seu mercado:


  • Agendamento: Qualquer site de prestação de serviços precisa ter a capacidade de receber reservas e pagamentos online 24 horas. O Wix Bookings faz exatamente isso e inclui as mais sofisticadas opções do mercado (como a capacidade de administrar as agendas da sua equipe ou enviar automaticamente lembretes aos seus clientes). O melhor de tudo: você não paga nenhuma comissão.

  • eCommerce: quer vender seus produtos online e gerar um fluxo de receita contínuo? Uma loja virtual é o que você precisa. Primeiro escolha um template pré-concebido e personalize-o com o seu design e depois você está pronto para se lançar. De rastrear seus pedidos a receber pagamentos e administrar suas entregas com facilidade - tudo em um só lugar.

  • Fotografia: não importa se você quer mostrar seu trabalho, vender sua arte ou atrair novos clientes, o caminho a seguir é criar um portfólio de fotografia. Sem contar que o nosso sempre traz conteúdo para os amantes da fotografia com o melhor do design, exibições, técnicas e tendências.

  • Música: o Wix Music é uma plataforma de ponta para músicos que querem expandir seu público mantendo, ao mesmo tempo, total liberdade criativa. Permite vender sua música diretamente no site e ainda receber 100% da renda. Simultaneamente distribui suas trilhas para mais de 120 lojas digitais.

  • Hotel: administre suas reservas, permita que os hóspedes reservem no seu idioma preferido, envie instantaneamente emails de confirmação e receba pagamentos online - seu site de hotel faz tudo isso.

  • Dica profissional: o Wix App Market tem uma grande variedade de aplicativos para alavancar o potencial de negócios do seu site. Desde chat até pagamentos, de pop-ups a anunciar no Google, há uma ferramenta para qualquer aspecto do seu negócio.



11. Torne seu site acessível para todos


Seu negócio está estabelecido em diferentes países? Você tem visitantes de norte a sul? Você está procurando conquistar novos mercados? Se você respondeu “sim” a alguma destas questões, definitivamente precisa de um site multilingue. Oferecer aos visitantes conteúdo no seu próprio idioma vai ajudá-los a se envolver (e comprar) mais. Felizmente, o Wix facilita bastante o processo de duplicar e traduzir as suas páginas. Não há dor de cabeça em relação a isso, temos um tutorial que vai te mostrar como criar seu próprio site multilíngue.


Um site acolhedor também deve ser criado para visitantes que tenham alguma deficiência (com problemas de visão, usuários que não conseguem usar um mouse ou teclado, etc.). O elemento mais importante aqui é construir seu site de forma hierárquica, usando títulos claros para definir o nível de informação. Pense num jornal onde os títulos podem te ajudar a compreender do que trata um artigo mesmo que você não o leia. Há muitas outras coisas que você pode fazer para tornar seu site mais acessível - e todas também serão benéficas para seu SEO.



12. Interaja com seus visitantes


Já se passaram anos desde que os sites eram apenas itens estáticos para se navegar de forma passiva. Hoje em dia, os visitantes esperam se envolver com você através do seu site. Adicionar as ferramentas profissionais certas traz a certeza de poder converter visitantes em consumidores, e consumidores em clientes fiéis:


  • Chat online: essa é uma das principais tendências de marketing em 2019. Seja para proporcionar ao cliente um atendimento mais rápido ou para ajudar aos indecisos a se encaminharem até o caminho do carrinho de compras, esta pequena janela ao final da tela faz uma gigantesca diferença em termos de interação. De fato, uma pesquisa do Wix descobriu que usuários que instalaram um recurso de chat online em seus sites viram um crescimento de 33% em seus agendamentos e de 39% nas vendas depois de apenas um mês.

  • Redes sociais: para se tornar um mestre de sucesso nas redes sociais, você precisa ter uma agenda de publicação nas redes sociais bem planejada, brilhantes ideias de conteúdo para redes sociais para se inspirar e ferramentas para criar imagens. Além de tudo isso, você precisa conectar seu site às suas contas nas redes sociais. Coloque em seus perfis um link para seu site e da mesma forma adicione ícones das redes sociais à sua página inicial - abaixo do menu, no lado esquerdo ou direito da sua página ou no rodapé.

  • Newsletter: o email já foi considerado o rei do marketing online, e ainda é uma das principais fontes de tráfego para seu site e sua empresa. Você pode usá-lo para anunciar suas mais recentes liquidações, promover os artigos do seu blog ou comemorar as conquistas da sua companhia com seus seguidores. Como exatamente otimizar o sucesso das suas campanhas? Para conseguir assinantes para sua newsletter, coloque uma janela pop up convidando as pessoas a se cadastrarem. Em paralelo, comece a enviar suas primeiras newsletters. Explore essa ferramenta de email marketing que permite fazer tudo, desde criar o design com templates pré-concebidos, até enviar e verificar suas estatísticas diretamente a partir do painel de controle do seu site.

  • Formulários: quem não gosta de dar opinião? Uma forma poderosa (e no entanto subestimada) para construir relacionamentos duradouros com seus consumidores é pedir que eles deem um feedback. Adicionar um formulário ao seu site é uma garantia de que os visitantes têm um lugar certo para compartilhar seus pensamentos sobre seus produtos, serviços, o site ou o suporte. Mais ainda, esse é um material de ouro que você pode adicionar à sua seção de depoimentos. Importante: Você deve limitar o número de campos apenas para as informações essenciais, porque quanto mais você pergunta, menos provável é que seus consumidores preencham o formulário.

  • Quero mais: se mostrar disponível através de múltiplos canais não é a única coisa que você pode fazer para aumentar a interação com seus visitantes. Do design às páginas de membros, saiba mais sobre as táticas que os grandes designers usam para aumentar o engajamento e a interação com o usuário. De quebra, aprenda a gerar mais leads para o seu site e começar o ano expandindo ainda mais o seu negócio online.



13. Otimize seu site para dispositivos mobile


Tamanho não é documento. Na verdade, usuários de smartphone (e tablet) estão tomando conta da internet e querem desfrutar do seu site da forma mais suave possível e tão rápido quanto nos desktops. Uma versão mobile do seu site é automaticamente gerada pelo Wix, por isso você não precisa se preocupar em construir uma nova estrutura do zero. No entanto, você ainda precisa encarar um desafio ao colocar seu conteúdo: otimização do espaço.


Primeiro, retire de sua página inicial todos os elementos que não são absolutamente necessários. Quando se trata de mobile, você sempre deve dar prioridade à experiência do usuário, evitando ao máximo cansá-lo. Segundo, coloque as informações mais importantes acima da dobra porque é a primeira seção do site a ser carregada. Por fim, adicione a barra de ações rápidas que permite aos visitantes entrar em contato com você (por telefone ou email) com o clique de um botão, ou então links que sejam atalhos para diferentes páginas do seu site. Menos tempo rolando e mais tempo curtindo seu conteúdo.



14. Peça a opinião de outras pessoas


Chegou a hora de pedir uma análise crítica do seu site para seus amigos e conhecidos. É muito difícil ser imparcial quando se trata de sua própria criação, especialmente quando é a primeira vez. No entanto, quando seu site é publicado, ele precisa estar perfeito, por isso verifique com todo o cuidado os seguintes elementos junto com seu amigo:


  • A linguagem do texto foi revisada? Erros de ortografia podem destruir a reputação profissional que você custou tanto para construir.

  • As páginas são fáceis de navegar? Se seus amigos precisarem clicar mais de uma vez para encontrar sua loja virtual ou qualquer outra página estratégica do seu site, isso significa que você precisa repensar a arquitetura das suas páginas.

  • A versão mobile está otimizada? Quase 50% das pessoas navegam usando um dispositivo mobile. Você certamente não vai querer deixar metade da população do mundo frustrada.

  • Todos os links estão funcionando? Clique em cada link para se certificar de que eles não resultam em um erro 404 (a página não existe mais). Também é recomendado configurar para abrir links externos em uma outra aba para minimizar o risco dos visitantes saírem do seu site.

  • Todos os elementos SEO estão preenchidos corretamente? Do alt text à descrição das páginas, há muitos itens a serem verificados. Felizmente, você pode confiar no checklist gratuito emitido automaticamente pelo Wix SEO Wiz.


Dica profissional: Está com receio de ter deixado escapar alguma coisa? Vai deixar de ter depois de ler este checklist essencial de lançamento de site.



15. Publique seu site (mas o trabalho não termina aqui)


Se você acha que tudo termina depois que publicar seu site, pense duas vezes. Abra de novo o editor do site (que a essa altura do campeonato, já se tornou seu melhor amigo) porque há sempre espaço para melhorar. Os visitantes são bem exigentes quando se trata de decidir se vale a pena ou não navegar num site. Eles querem conteúdo que seja original e valioso, mas também conteúdo novo.


O último critério é bem lógico, se você pensar a respeito. Nos dias atuais, as coisas mudam tão rápido que “recente” passou a ser sinônimo de “confiável”. Atualizar regularmente suas páginas mostra que você está presente, ativo e em sintonia com o que acontece no seu mercado. Há formas rápidas e fáceis para fazer isso, como incorporar seu Feed do Instagram ou publicar novidades em seu blog.


Por fim, certifique-se de ter conectado seu site a ferramentas de monitoramento de forma a verificar seu crescimento e desempenho. É assim que você conseguirá ver onde e como melhorar:


  • Google Analytics: quantos usuários visitaram a sua página? De onde eles são? Por quanto tempo ficaram lendo os artigos do seu blog? Toda essa informação (e muito mais) está disponível para você gratuitamente na famosa ferramenta do Google.

  • Google Search Console: se você tem curiosidade para saber como as suas páginas estão sendo classificadas pelo principal motor de busca, esta é a plataforma certa a ser usada. Aqui você vai ter todos os detalhes sobre seu tráfego orgânico, desde as palavras-chave pelas quais está competindo até seu progresso ao longo do tempo. Procurando uma orientação? Esse guia do Google Search Console vai te mostrar o caminho.

  • Heatmaps (mapas de calor): não, não estamos falando sobre a próxima previsão do tempo. Heatmaps te mostram, de forma precisa e indicada através de cores, quais partes do seu site seus visitantes olham e clicam. Sendo assim, são ferramentas extremamente valiosas para melhorar seu design e conteúdo. Com Wix, você pode conectar seu site a algumas das principais ferramentas de heatmap, incluindo Crazy Egg e Hotjar.

  • Conclusão: ter um site é uma necessidade em 2021. Mas ter um site que está atualizado é o que realmente faz toda a diferença. Por isso, esteja sempre atento às mais recentes novidades e aos desenvolvimentos da internet, e atualize seu conteúdo com a máxima frequência possível.


Pronto para levar seu negócio para o mundo virtual? Crie seu próprio site personalizado com Wix!



Publicado por Hannah Beltrão

Blogger & Growth Marketing Specialist - Português


pt03.png