Como Montar uma Loja Virtual de Roupas e Acessórios Bem Sucedida


Imagem de vitrine online com camisetas brancas, tênis branco e acessórios

Se moda não é apenas a sua paixão, mas sua profissão, é imprescindível que você invista no seu negócio criando seu site de eCommerce e montando sua loja virtual. Muitos profissionais das áreas de moda, design e varejo têm a noção do grande potencial do eCommerce.

Os benefícios do eCommerce para profissionais de moda, design e varejo são claros: uma loja virtual tem um alcance bem mais amplo que o das ruas, e custos muito inferiores aos de uma loja física. Além de tudo isso, as lojas virtuais são terreno extremamente fértil para uma boa e criativa estratégia de marketing e branding, elementos cruciais para alguém tentando firmar seu nome no mercado.

E para tratar de um mercado com tanto potencial, organizamos um guia completo para te ajudar a mostrar todo o seu talento como empreendedora ou empreendedor do mundo da moda. Com estas dicas e o poder da plataforma de eCommerce do Wix, você terá ferramentas valiosas que te ajudarão a se destacar em um mercado conhecido por ser extremamente competitivo.



01. Escolha o template de eCommerce correto

Se você já pesquisou como começar uma loja virtual, então provavelmente já deve saber que trabalhar com um template de eCommerce é o método mais simples e produtivo para montar seu negócio online. Mas nem todos os templates servem o mesmo propósito, por isso, aqui vão algumas dicas para fazer uma escolha certeira:


  • Comece com o básico: primeiramente, seu template deve incluir os elementos vitais de qualquer loja virtual: uma galeria de produtos de fácil navegação, um carrinho de compras eficiente e um processo intuitivo de checkout. Se seus processos de produção ou envio de mercadorias envolvem personalização e/ou outras condições específicas, certifique-se de que a plataforma possa sustentá-las.

  • Pense no melhor estilo e formato: o próximo requisito depende mais das suas próprias escolhas de estilo e da identidade visual da sua marca. Templates são criados tendo em mente um nicho ou gênero em particular, por isso, use uma boa parcela do seu tempo para passear pelos templates de eCommerce disponíveis, analisando cada página e detalhe. Escolha um que possa refletir a identidade da sua marca e o público que você espera alcançar, assim você economizará muito tempo e esforço quando for personalizar seu site. Qualquer elemento, desde a paleta de cores ao tamanho das imagens usadas no site, pode ser determinante para você saber se o template é o certo para o que você deseja, por isso preste atenção em todos os pequenos detalhes.

  • Personalize: o último ponto que você precisa considerar é a facilidade de personalização. Mesmo se conseguir encontrar o template que está em total sintonia com os objetivos da sua marca, ainda assim você vai precisar fazer algumas mudanças e dar seu toque pessoal, começando por criar um logo de design profissional. O template ideal é aquele com o qual é fácil de trabalhar e editar. Dessa forma, mesmo quando for alterá-lo para melhor se adequar aos seus propósitos, ele ainda vai ter uma aparência deslumbrante. Felizmente, todos os templates para loja virtual disponíveis no Wix cobrem 100% estes requisitos básicos.



02. O design da sua loja deve condizer com o estilo da sua marca e de seus produtos

Pode ser que você tenha um brechó virtual, ou uma loja oline de moda infantil, ou vai ver você cria e vende acessórios de design minimalista - em todos esses casos (e em muitos outros) sua loja deve ter um design bem definido que converse com seus produtos e sua filosofia. Criar uma harmonia entre o estilo e o web design da sua loja vai fortalecer seu branding e fazer seu público-alvo se sentir super à vontade ao visitar sua loja virtual, como se estivessem passeando por uma incrível flagship store, mas direto de seus computadores ou dispositivos móveis. Vamos dar uma olhada na Stolen Goods, por exemplo. Uma das características principais de seus produtos é o uso de cores lúdicas e expressivas, e que no universo online se traduziram na paleta de cores do site. O resultado é um belíssimo diálogo de cores entre os produtos e a plataforma onde eles são exibidos. Trabalho excelente!



03. Lembre-se: elementos visuais são tudo de bom!

Para vender itens de vestuário, primeiro é preciso estimular o desejo visual de quem compra. As fotos de produto que enfeitam sua loja virtual devem ser tão lindas que os clientes vão imediatamente se imaginar andando por aí vestidos com suas roupas e/ou acessórios incríveis. Nós temos certeza que você preza pela qualidade do seu produto mais que tudo, certo? Pois bem, quando se trata das imagens e mídias do seu site, qualidade também é essencial. Imagens poderosas são seu melhor argumento de vendas, por isso vale a pena investir em fotos profissionais de seus produtos. O objetivo é criar o cenário ideal para destacar tudo o que seus produtos têm de melhor. Cada elemento das imagens ou vídeos deve ser planejado, desde a escolha do local, até o estilo dos modelos. Lembre-se, seu objetivo é ter magens finais apresentem a sua marca da forma mais atrativa possível.



04. Simplifique o processo de checkout

Comprar online deve ser uma atividade simples, direta e intuitiva. A última coisa que você precisa é ter seus clientes se esforçando para tentar completar o processo de pagamento. Se isso acontecer, muitos vão simplesmente desistir da compra, e depois de todo o esforço feito para montar sua loja virtual, sabemos que não é isso que você ou qualquer outro empreendedor quer.


Há dois métodos principais que você deve seguir para otimizar o processo de checkout. Primeiro, você deve minimizar os passos necessários para completar a compra. Para isso, faça de tal forma que não sejam necessários mais que apenas alguns cliques. Segundo, você precisa se certificar regularmente de que tudo esteja funcionando adequadamente. Teste diversos cenários: adicionando itens ao carrinho de compras, excluindo itens do carrinho, escolhendo cores ou tamanhos diferentes, alterando as quantidades e editando detalhes de envio.


Por fim, não esqueça de verificar se as opções de gerenciamento da sua loja estão funcionando corretamente e se as notificações de venda e outros processos iniciados por seus clientes estão chegando até você.



05. Crie galerias de produto detalhadas

Os consumidores gostam de saber que têm opções, especialmente quando se trata de moda, acessórios e vestuário em geral. Eles querem ter a possibilidade de escolher o que compram com base em informações precisas, e selecionar itens que realmente combinam com seu estilo e suas necessidades. Você pode facilmente ajudá-los criando galerias de produto abrangentes e precisas.


Primeiro, certifique-se de adicionar opções do produto como tamanhos, cores, tipos de material e quaisquer outras variações que você tenha a oferecer. Depois, inclua múltiplas imagens mostrando diferentes ângulos e usos variados do produto, tente passar para seus consumidores uma ideia geral de como os itens são ao vivo. Você até pode adicionar um vídeo para passar uma impressão mais precisa dos seus produtos.



06. Otimize sua loja para o mobile

Nos dias de hoje, você deve levar em conta que muitos usuários vão navegar na sua loja virtual usando um dispositivo móvel. Otimize a visualização mobile do seu site e teste em diversos dispositivos para se certificar que sua loja tenha uma aparência fantástica em todos os tamanhos de tela.


A experiência de comprar em dispositivos mobile não é a mesma do desktop. Os usuários de smart phones e tablets preferem rolar para baixo, e não ter que inferir muitos cliques, assim a sua loja mobile precisa ter um design na vertical – mesmo que o design da sua loja na versão desktop use toda a largura da tela. Imagens e textos devem ser suficientemente grandes e bem espaçados para que não fiquem uns por cima dos outros. Além disso, é muito importante organizar suas coleções e opções de produto de forma intuitiva e simples para que os consumidores possam localizar rapidamente o que desejam.

07. Atraia tráfego usando as redes sociais

Num mundo perfeito, os visitantes encontrariam sozinhos o caminho para a sua loja. Porém, na realidade, você precisa promover sua loja nas plataformas favoritas dos seus usuários. Em outras palavras, você precisa mergulhar nas redes sociais.


Implementar estratégias de marketing nas redes sociais em plataformas com um forte apelo visual são especialmente importantes para negócios do mercado da moda. Por isso, foque no Facebook, Instagram, Pinterest, e se você tiver uma grande audiência da geração Z, Tik Tok. Estabelecer uma poderosa presença nas redes sociais não acontece em um único dia. Mas quando você mantém um fluxo de conteúdo ativo e frequente, e fica em sintonia com os hábitos e a linguagem do seu público, sem dúvida verá um grande progresso e aumento do tráfego.


Quando for criar a estratégia para seu cronograma de marketing social, não deixe de conferir as seções de Dicas de eCommerce e Pequenos Negócios no Blog do Wix, onde você encontrará excelentes dicas e guias completos.



08. Combine SEO com conteúdo relacionado à marca

A otimização para motores de busca (SEO) é primordial para qualquer site. Uma parte significativa do tráfego online é direcionada através dos resultados dos motores de busca, portanto, é imprescindível que você otimize seu conteúdo, principalmente para o Google e o Bing. Mas não é preciso ir muito longe para aprender a otimizar seu site, esse guia de SEO que preparamos para você vaI te mostrar exatamente como fazer isso.


E pode até soar como uma contradição, mas saiba que apesar da importância dos motores de busca para seu tráfego, você não deve ter o conteúdo do seu site totalmente ditado pelo SEO. Seu conteúdo deve ser verdadeiro e autêntico, e não apenas um monte de palavras-chave aleatórias. Encontre o equilíbrio certo que combine o SEO com um branding eficiente. Seus visitantes devem ser acolhidos por um tom de voz humano, mas que não seja exageradamente vendedor.

09. Ofereça incentivos aos seus clientes

Usar a internet para comprar roupas, acessórios e itens de decoração pode ser um pouco assustador. Há sempre o risco do material não ser exatamente o que você quer, ou os tamanhos e caimento podem causar frustração. Você pode ajudar a reduzir estes riscos oferecendo incentivos que façam a experiência ser muito mais agradável e atrativa para o cliente. Por exemplo, você pode oferecer entrega e devolução grátis, itens importantes para a sensação de segurança no ato da compra, e que vão aprofundar a relação de confiança entre marca e cliente. Você também pode adicionar uma tabela de medidas detalhada para dar uma noção mais específica sobre os tamanhos. E obviamente, promoções e cupons são sempre uma grande motivação para qualquer cliente. Quem não gosta de uma excelente oferta?



Pronto para começar sua loja virtual? Crie um site com Wix.


Publicado por Hannah Beltrão

Blogger & Growth Marketing Specialist - Português




pt03.png